Sobral – 300×100
Seet

Servidores públicos do Tocantins já podem fazer o recadastramento obrigatório; tire suas dúvidas aqui

admin -

<span style="font-size:14px;">Foi lan&ccedil;ado oficialmente o Recadastramento dos Servidores p&uacute;blicos do Tocantins, na tarde desta ter&ccedil;a, 1&ordm;. O evento ocorreu no audit&oacute;rio da Escola de Governo, na Capital, que ficou lotado de servidores em busca de informa&ccedil;&otilde;es sobre os procedimentos a serem adotados.<br />
<br />
Conforme o secret&aacute;rio Geferson Barros, da Administra&ccedil;&atilde;o, o recadastramento vai subsidiar o planejamento estrat&eacute;gico do Governo ser&aacute; a primeira etapa da Auditoria de Folha, &ldquo;um processo corretivo e fundamental para a ordena&ccedil;&atilde;o de despesas, e que nunca foi realizado&rdquo;.<br />
<br />
Tamb&eacute;m presente, o secret&aacute;rio da Educa&ccedil;&atilde;o, Ad&atilde;o Francisco, confirmou que as Delegacias Regionais de Ensino (DREs) dar&atilde;o suporte ao processo de recadastramento, n&atilde;o apenas cedendo espa&ccedil;o f&iacute;sico, como tamb&eacute;m for&ccedil;a de trabalho.<br />
<br />
A primeira fase do recadastramento consiste no preenchimento de formul&aacute;rio online com informa&ccedil;&otilde;es atualizadas, ou confirma&ccedil;&atilde;o das j&aacute; existentes. De acordo com a superintendente de Gest&atilde;o de Pessoas da Secad, Sandra Gondim, atualiza&ccedil;&atilde;o dos dados vai garantir a confiabilidade do Sistema de Gest&atilde;o. Ela tamb&eacute;m enfatizou o recolhimento das digitais. <em>&ldquo;Mesmo que n&atilde;o ocorra atualiza&ccedil;&atilde;o de informa&ccedil;&otilde;es, o servidor ter&aacute; que participar da segunda fase do recadastramento&rdquo;</em>, enfatizou.<br />
<br />
O diretor de Tecnologia da Informa&ccedil;&atilde;o, Jos&eacute; Ribeiro Neto, apresentou o formul&aacute;rio aos presentes e deu orienta&ccedil;&otilde;es sobre o seu preenchimento. Lembrou que os servidores poder&atilde;o anexar fotos, mas quem n&atilde;o conseguir ter&aacute; este registro feito durante a coleta das digitais, que no futuro ser&atilde;o utilizadas em pontos eletr&ocirc;nicos.<br />
<br />
<strong><u>Cronograma</u></strong><br />
<br />
O recadastramento &eacute; obrigat&oacute;rio para todos os servidores p&uacute;blicos ativos, civis e militares, efetivou ou n&atilde;o, e tamb&eacute;m licenciados. Quem n&atilde;o se recadastrar ter&aacute; o pagamento do sal&aacute;rio suspenso. O acesso ao formul&aacute;rio &eacute; pelo endere&ccedil;o <a href="http://recadastramento2015.secad.to.gov.br" target="_blank">recadastramento2015.secad.to.gov.br</a>, a partir desta quarta, 2.<br />
<br />
Os servidores ter&atilde;o at&eacute; 30 de setembro para preencher o formul&aacute;rio online. Quem n&atilde;o tiver acesso a computador dever&aacute; procurar o aux&iacute;lio dos servidores do RH de seu &oacute;rg&atilde;o de lota&ccedil;&atilde;o. Uma central de informa&ccedil;&otilde;es atender&aacute; pelo telefone (63) 3218-1528.<br />
<br />
A segunda fase do recadastramento come&ccedil;a em 1&ordm; de outubro. Os servidores da Capital dever&atilde;o levar seus documentos e recolher as digitais nos pr&oacute;prios RHs. Para facilitar o acesso aos servidores lotados nas demais cidades haver&aacute; postos de atendimento montados em cidades onde h&aacute; Delegacias Regionais de Ensino. Entre 15 de outubro e 15 de novembro, o trabalho de recadastramento ser&aacute; levado a Para&iacute;so, Porto Nacional e Miracema. De 1&ordm; de novembro a 1&ordm; de dezembro ser&atilde;o atendidos os servidores dos demais munic&iacute;pios.<br />
<br />
<u><strong>Recadastramento </strong><br />
<strong>Perguntas e respostas</strong></u><br />
<br />
<strong>Por que o Governo do Estado est&aacute; promovendo novo recadastramento de servidores?</strong><br />
&nbsp;<br />
– A meta do Governo do Estado &eacute; a atualiza&ccedil;&atilde;o de dados e, consequentemente, a identifica&ccedil;&atilde;o de servidores em situa&ccedil;&atilde;o irregular.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Quem precisa se recadastrar?</strong><br />
&nbsp;<br />
– Todos os servidores p&uacute;blicos ativos, civis e militares, efetivos, comissionados e contratados.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Licenciados e aposentados tamb&eacute;m precisam se recadastrar?</strong><br />
&nbsp;<br />
– Licenciados, sim. O formul&aacute;rio possui um campo para preenchimento desta informa&ccedil;&atilde;o. Servidores afastados por estarem ocupando cargo eletivo tamb&eacute;m precisam se cadastrar. N&atilde;o h&aacute; necessidade para aposentados.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Qual o per&iacute;odo de recadastramento?</strong><br />
&nbsp;<br />
– O processo come&ccedil;a nesta ter&ccedil;a, 1&ordm; de setembro, e segue at&eacute; 1&ordm; de dezembro.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Como o servidor deve proceder?</strong><br />
&nbsp;<br />
– O recadastramento &eacute; dividido em duas fases. Na primeira, os servidores dever&atilde;o atualizar seus dados em formul&aacute;rio acess&iacute;vel pelo endere&ccedil;o eletr&ocirc;nico recadastramento2015.secad.to.gov.br, e utilizar a mesma senha do Portal do Servidor. Quem ainda n&atilde;o tiver senha poder&aacute; criar a sua. Na segunda fase, os servidores dever&atilde;o apresentar documentos para valida&ccedil;&atilde;o, al&eacute;m de recolher suas digitais.<br />
&nbsp;<br />
<strong>O formul&aacute;rio exige quais informa&ccedil;&otilde;es? </strong><br />
&nbsp;<br />
– O formul&aacute;rio j&aacute; traz informa&ccedil;&otilde;es do servidor, que dever&aacute; fazer as altera&ccedil;&otilde;es necess&aacute;rias quando houver necessidade. Por exemplo, mudan&ccedil;a de estado civil ou nascimento de filhos, mudan&ccedil;a de endere&ccedil;o ou de status funcional (no caso de ter tomado posse em um novo concurso). Tamb&eacute;m foi criado campo para upload de foto do servidor.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Como o servidor que tem ac&uacute;mulo de cargo dever&aacute; preencher o formul&aacute;rio?</strong><br />
&nbsp;<br />
– O formul&aacute;rio possui um campo para o servidor informar se acumula cargo nas esferas federal, estadual ou municipal.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Caso o servidor n&atilde;o tenha acesso f&aacute;cil a computador, como ele dever&aacute; preencher seu formul&aacute;rio?</strong><br />
&nbsp;<br />
– O servidor poder&aacute; buscar aux&iacute;lio no setorial de Recursos Humanos de seu &oacute;rg&atilde;o de lota&ccedil;&atilde;o. Se for morador de uma cidade pequena, poder&aacute; aguardar a segunda fase do recadastramento, para proceder o preenchimento em um dos p&oacute;los de recadastramento que ser&atilde;o montados pela Secad e parceiros.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Quando come&ccedil;a a fase de apresenta&ccedil;&atilde;o de documentos e registro de digitais?</strong><br />
&nbsp;<br />
– Os servidores ter&atilde;o at&eacute; 30 de setembro para preencher o formul&aacute;rio online. A segunda fase do recadastramento come&ccedil;a em 1&ordm; de outubro. Os servidores da Capital dever&atilde;o levar seus documentos e recolher as digitais nos pr&oacute;prios RHs. Entre 15 de outubro e 15 de novembro, o trabalho de recadastramento ser&aacute; levado aos munic&iacute;pios de Para&iacute;so, Porto Nacional e Miracema. De 1&ordm; de novembro a 1&ordm; de dezembro ser&atilde;o atendidos os servidores dos demais munic&iacute;pios. Datas e endere&ccedil;os ser&atilde;o informados posteriormente.<br />
<strong>O que acontecer&aacute; com o servidor que n&atilde;o se recadastrar?</strong><br />
&nbsp;<br />
– A partir de 1&ordm; de dezembro o servidor estar&aacute; sujeito a suspens&atilde;o do sal&aacute;rio at&eacute; a devida regulariza&ccedil;&atilde;o do cadastro.<br />
&nbsp;<br />
<strong>Em caso de d&uacute;vida, a quem o servidor dever&aacute; recorrer?</strong><br />
&nbsp;<br />
– O servidor poder&aacute; procurar o aux&iacute;lio dos servidores do RH de seu &oacute;rg&atilde;o de lota&ccedil;&atilde;o. Uma central de informa&ccedil;&otilde;es atender&aacute; pelo telefone (63) 3218-1528.</span><br />

Comentários pelo Facebook: