Seet
Sobral – 300×100

Cerca de R$ 610 milhões serão investidos no Tocantins pela BMTE com previsão de gerar 1.800 empregos

admin -

<span style="font-size:14px;">O Governo do Estado&nbsp; realiza nesta semana reuni&otilde;es em Gurupi e Para&iacute;so do Tocantins entre os representantes da empresa Belo Monte Transmissora de Energia&nbsp; (BMTE) e o empresariado dos munic&iacute;pios e respectivas regi&otilde;es.&nbsp; Os encontros t&ecirc;m como o objetivo promover a aproxima&ccedil;&atilde;o entre os empres&aacute;rios e a empresa respons&aacute;vel pela constru&ccedil;&atilde;o do chamado <em>&ldquo;Linh&atilde;o Belo Monte&rdquo;</em>, linha de transmiss&atilde;o de energia el&eacute;trica que atravessar&aacute; o Tocantins, com investimentos previstos de R$ 610 milh&otilde;es no Estado e gera&ccedil;&atilde;o de cerca de 1.800 empregos diretos.<br />
<br />
&ldquo;<em>Nosso objetivo com essa aproxima&ccedil;&atilde;o &eacute; mostrar aos empres&aacute;rios regionais o potencial de investimentos da BMTE, e aos executivos da empresa, que n&atilde;o v&atilde;o precisar buscar l&aacute; fora o que deve ser contratado para execu&ccedil;&atilde;o da obra. Que o Tocantins pode oferecer tanto os bens quanto os servi&ccedil;os de que a empresa necessita, como cabos condutores, ferragens, alimenta&ccedil;&atilde;o, uniformes, hospedagem e m&atilde;o de obra&rdquo;</em>, explica o diretor de Desenvolvimento Econ&ocirc;mico da Sedetur, Eremilson Leite.<br />
<br />
Prevista para ser iniciada ainda este ano, a obra do Linh&atilde;o dever&aacute; ser conclu&iacute;da e entrar em opera&ccedil;&atilde;o entre fevereiro e abril de 2018, com a entrada em opera&ccedil;&atilde;o comercial da 12&ordf; unidade de gera&ccedil;&atilde;o de energia da UHE Belo Monte, no Par&aacute;, com capacidade de&nbsp; gera&ccedil;&atilde;o de 11.233MW de energia el&eacute;trica.<br />
<br />
Com sede regional em Palmas, inicialmente est&atilde;o previstos dois canteiros de obras no estado, sendo um em Gurupi e outro em Para&iacute;so. O linh&atilde;o interligar&aacute; o sistema de transmiss&atilde;o entre Xingu, no Par&aacute;, passando pelo Tocantins at&eacute; o munic&iacute;pio de Estreito, em Minas Gerais, em uma linha de 800 KV com&nbsp; extens&atilde;o de 2.092 quil&ocirc;metros.<br />
<br />
<strong><u>Reuni&otilde;es</u></strong><br />
<br />
Em Gurupi, a reuni&atilde;o ser&aacute; realizada nesta ter&ccedil;a-feira, 6, &agrave;s 20 horas, no audit&oacute;rio da C&acirc;mara de Dirigentes Lojistas. J&aacute; em Para&iacute;so do Tocantins, o encontro ser&aacute; na quarta-feira (07) tamb&eacute;m &agrave;s 20 horas, sede da Associa&ccedil;&atilde;o Comercial e Industrial de Para&iacute;so (Acip).</span>

Comentários pelo Facebook: