Sobral – 300×100
Seet

População vai às ruas cobrar justiça pelo assassinato de vice-prefeito

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;"><u><strong>Da Reda&ccedil;&atilde;o</strong></u><br />
<br />
Completa neste pr&oacute;ximo dia 08 de abril cinco meses do assassinato do vice-prefeito de S&atilde;o Sebasti&atilde;o do Tocantins, Ant&ocirc;nio Mauro do Nascimento. At&eacute; o presente momento a pol&iacute;cia ainda n&atilde;o desvendou o crime brutal que chocou a popula&ccedil;&atilde;o da pequena cidade.<br />
<br />
Indignados, moradores est&atilde;o organizando para a pr&oacute;xima segunda-feira, 8, uma caminhada para cobrar das autoridades solu&ccedil;&atilde;o e puni&ccedil;&atilde;o aos criminosos que assassinaram o vice-prefeito. O crime ocorreu p</span><span style="font-size:14px;">or volta das 20h30min do dia 8 de novembro de 2012 enquanto a v&iacute;tima&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">comia um espetinho no centro da cidade, acompanhado de sua esposa e de seu filho de oito anos de idade.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">A caminhada est&aacute; marcada para acontecer &agrave;s 17 horas partindo do p&eacute; de faveira, local bastante conhecido na cidade.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>O crime</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size: 14px;">Segundo testemunhas, dois homens chegaram em uma moto Honda Bros. Em seguida o garupa desceu da moto, tirou o capacete e foi ao banheiro, quando voltou efetuou tr&ecirc;s disparos &agrave; queima roupa contra Mauro, dois tiros acertaram as costas e um atingiu a cabe&ccedil;a.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Mauro tinha 40 anos, casado, nasceu na pr&oacute;pria cidade de S&atilde;o Sebasti&atilde;o. Tornou-se vice-prefeito na elei&ccedil;&atilde;o de 2008 pela Coliga&ccedil;&atilde;o Mudan&ccedil;a Pra Valer (PT/PV) que elegeu o atual prefeito, Claudiney de Oliveira da Concei&ccedil;&atilde;o, com 57% dos votos v&aacute;lidos. Mauro tamb&eacute;m trabalha na &aacute;rea cont&aacute;bil e prestava servi&ccedil;os a setores p&uacute;blicos na regi&atilde;o do Bico do Papagaio.&nbsp;</span><br />
&nbsp;</div>

Comentários pelo Facebook: