Seet
Sobral – 300×100

Fundação Cultural patrocinou outros dois shows em pousada de Araguatins

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size: 14px;">Ao que tudo indica a Funda&ccedil;&atilde;o Cultural do Tocantins tem a mera finalidade de patrocinar shows particulares com recursos p&uacute;blicos. No ano passado, mais dois shows foram pagos pela Funda&ccedil;&atilde;o. As atra&ccedil;&otilde;es tamb&eacute;m aconteceram na Pousada Encontro das &Aacute;guas, de propriedade de familiares do presidente do tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE-TO), Wagner Praxedes.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Os valores foram destinados &agrave; empresa N&uacute;cleo Comunica&ccedil;&atilde;o e Eventos; sendo o primeiro no valor de R$ 6 mil para show da dupla Ant&ocirc;nio Vieira da Silva e Luan Dallys Alves Pereira (Tony e Luan) no dia 8 de setembro de 2012. O pagamento foi lan&ccedil;ado no Siafem no dia 1&ordm; de outubro de 2012. No extrato de contrato publicado no Di&aacute;rio Oficial consta que o valor foi para show realizado na mesma data em Araguatins, mas no cais do Porto, segundo a publica&ccedil;&atilde;o. O extrato justifica a doa&ccedil;&atilde;o dizendo que o evento &eacute; de natureza art&iacute;stico-cultural.<br />
<br />
O outro valor pago foi R$ 7.500 para Show com a mesma dupla Tony e Luan no dia 13 de outubro de 2012. O pagamento foi lan&ccedil;ado no Siafem no dia 22 de outubro.<br />
<br />
Anteriormente, ap&oacute;s a repercuss&atilde;o dos gastos p&uacute;blicos a festas particulares, a secret&aacute;ria de Cultura K&aacute;tia Rocha devolveu R$ 2.600 referente a outro patroc&iacute;nio que o governo fez para a Pousada.<br />
<br />
<u><strong>CPI</strong></u><br />
<br />
O assunto fez surgir a proposi&ccedil;&atilde;o de uma CPI para investigar a rela&ccedil;&atilde;o entre a Funda&ccedil;&atilde;o Cultural do Estado e o Tribunal de Contas do Estado.&nbsp; At&eacute; o momento apenas seis deputados manifestaram interesse em assinar o requerimento de abertura da CPI para a investiga&ccedil;&atilde;o: Stalin Bucar (PR), Freire J&uacute;nior (PSDB), Josi Nunes (PMDB) e Eli Borges (PMDB), Sargento Arag&atilde;o e&nbsp; Manoel Queiroz, ambos do PPS. Alguns parlamentares est&atilde;o levantando as informa&ccedil;&otilde;es e detalhes sobre o pagamento de tais shows particulares para apresentaram na Assembleia Legislativa.<br />
<br />
Na Casa de Leis o deputado do PT, Jos&eacute; Roberto chegou a pedir que o governo exonere a secret&aacute;ria e sugeriu que o presidente do TCE tamb&eacute;m fosse afastado do cargo em raz&atilde;o das den&uacute;ncias.<br />
<br />
Ap&oacute;s press&atilde;o da Assembleia e cr&iacute;ticas inclusive de deputados aliados do governo a secret&aacute;ria K&aacute;tia Rocha divulgou na &uacute;ltima sexta-feira uma p&aacute;gina de an&uacute;ncio no Jornal do Tocantins onde mostrou a lista de emendas parlamentares destinadas para shows e festas. A publica&ccedil;&atilde;o, que custou cerca de R$ 20 mil, soou como provoca&ccedil;&atilde;o por parte dos deputados.<br />
<br />
Para shows em Aragua&iacute;na, o Governo do Estado destinou em 2011 mais de 780 mil reais que foram investidos exclusivamente em atra&ccedil;&otilde;es musicais.&nbsp;<br />
<br />
<em>(Com informa&ccedil;&otilde;es do Conex&atilde;o Tocantins)</em></span></div>

Comentários pelo Facebook: