Seet
Sobral – 300×100

Seduc determina lotação de professores concursados em sala de aula

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">A Secretaria da Educa&ccedil;&atilde;o e Cultura publicou no Di&aacute;rio Oficial n&ordm; 3.898, de 19 de junho de 2013, uma portaria determinando aos titulares das Diretorias Regionais de Forma&ccedil;&atilde;o e Gest&atilde;o que providencie at&eacute; o dia 20 de julho, a lota&ccedil;&atilde;o de servidores, concursados, que est&atilde;o fora da sala de aula, na doc&ecirc;ncia. A medida tem a finalidade de suprir o d&eacute;ficit de professores existentes em algumas escolas.<br />
<br />
De acordo com o Departamento de Gest&atilde;o Pessoal, h&aacute; muitos professores de &aacute;rea (Matem&aacute;tica, Linguagens e Ci&ecirc;ncias) atuando nas unidades escolares em fun&ccedil;&otilde;es de coordenadores e administrativos, ocupando as vagas que seriam dos pedagogos.<br />
<br />
Segundo a Seduc, esta medida tem a finalidade de rever o caso de profissionais excedentes, que representa um custo mensal na Folha de Pagamento de R$ 2.236.024,47, e com mais 243 profissionais remanejados e 706 com licen&ccedil;a m&eacute;dica totaliza 1706 servidores e um custo mensal &eacute; de R$ 5.989.024,41. Somente, com a lota&ccedil;&atilde;o dos professores excedentes para a sala de aula, haver&aacute; uma economia no valor de R$ 29.806.206,31, anual.<br />
<br />
Hoje a Seduc conta com 13.770 professores, sendo 2.500 professores contratados para suprir d&eacute;ficit em sala de aula. De fevereiro at&eacute; 6 de junho de 2013, foram contratados 850 professores para substituir afastados.<br />
<br />
Atualmente, a Secretaria da Educa&ccedil;&atilde;o e Cultura tem 657 professores excedentes nas unidades escolares da Rede Estadual de Ensino, prestando servi&ccedil;os em fun&ccedil;&atilde;o pedag&oacute;gica ou administrativa.<br />
<br />
Dentre as recomenda&ccedil;&otilde;es est&aacute; a de lotar em sala de aula, os professores efetivos, que se encontram em est&aacute;gio probat&oacute;rio e que atualmente exercem fun&ccedil;&atilde;o de coordena&ccedil;&atilde;o, de modo que liberem vagas para lota&ccedil;&atilde;o dos pedagogos excedentes.<br />
<br />
Antes de divulgar a portaria, a Seduc realizou reuni&atilde;o com os dirigentes do Sintet &ndash; Sindicato dos Trabalhadores da Educa&ccedil;&atilde;o no Tocantins, para informar a entidade sobre as medidas tomadas, e solicitou que o Sintet acompanhe o processo para garantia dos direitos e deveres de cada profissional.<br />
<br />
Em casos de d&uacute;vidas e mais esclarecimentos, os servidores devem entrar em contato com Ouvidoria pelo telefone 0800 646 1529 ou por meio do formul&aacute;rio dispon&iacute;vel no site www.seduc.to.gov.br.</span></div>

Comentários pelo Facebook: