Sobral – 300×100
Seet

Araguaína sedia concurso São João do Cerrado 2013

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">De 27 a 30 de junho, o Parque de Exposi&ccedil;&otilde;es Dair Jos&eacute; Louren&ccedil;o receber&aacute; o festival S&atilde;o Jo&atilde;o do Cerrado 2013 &ndash; Por uma cidade de paz e alegria, promovido pela Prefeitura de Aragua&iacute;na, por meio da Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer.<br />
<br />
Durante os quatro dias de apresenta&ccedil;&atilde;o, sete quadrilhas disputar&atilde;o o t&iacute;tulo de melhor grupo, casal de noivos, casal de reis, melhor casamento e melhor gritador. Os premiados receber&atilde;o trof&eacute;us. <em>&ldquo;Esta &eacute; uma das maiores festas populares do Estado e j&aacute; &eacute; tradicional no calend&aacute;rio de eventos da prefeitura. Nossa inten&ccedil;&atilde;o &eacute; garantir a valoriza&ccedil;&atilde;o de nossa cultura e oferecer uma festa bonita para a comunidade&rdquo;</em>, contou o prefeito Ronaldo Dimas.<br />
<br />
De acordo com a Prefeitura, as quadrilhas <strong>Escorrega Mas N&atilde;o Cai</strong>, <strong>Os Malacabados</strong>, <strong>Inhacarara</strong>, <strong>Arranca Toco</strong>, <strong>Cora&ccedil;&otilde;es Caipiras</strong>, <strong>Os Galinheiros do Sert&atilde;o</strong>, <strong>Os Fei de Cum For&ccedil;a</strong> ser&atilde;o as respons&aacute;veis por dar cor, ritmo e alegria para a festa. E a novidade deste ano est&aacute; no incentivo que a prefeitura est&aacute; dando para as quadrilhas de col&eacute;gios da cidade participarem do S&atilde;o Jo&atilde;o do Cerrado 2013 com apresenta&ccedil;&otilde;es art&iacute;sticas, mostrando o apre&ccedil;o pela cultura e a organiza&ccedil;&atilde;o de cada institui&ccedil;&atilde;o.&nbsp; &ldquo;Vamos mais que valorizar esta festa. Queremos difundir e incentivar uma das mais populares manifesta&ccedil;&otilde;es culturais do nosso pa&iacute;s&rdquo;, lembrou o secret&aacute;rio Wilamas Ferreira.<br />
<br />
A expectativa da organiza&ccedil;&atilde;o &eacute; receber cerca de 30 mil expectadores durante todos os dias do evento. O p&uacute;blico tamb&eacute;m ter&aacute; &agrave; disposi&ccedil;&atilde;o barracas com comidas e bebidas t&iacute;picas desta &eacute;poca junina e shows com artistas regionais e bandas nacionais como o grupo Sela Rasgada.<br />
<br />
Segue, abaixo, o cronograma dos shows durante o S&atilde;o Jo&atilde;o do Cerrado 2013:<br />
<br />
27/06: Quinta-feira -&nbsp;Renan Aguiar<br />
<br />
28/06: Sexta-feira -&nbsp;Banda Sela Rasgada e&nbsp;Jaime do Acordeon<br />
<br />
29/06: S&aacute;bado -&nbsp;Encontro dos Sanfoneiros e&nbsp;Jaime do Acordeon<br />
<br />
30/06: Domingo -&nbsp;Valtinho e Companhia,&nbsp;Jaime do Acordeon,&nbsp;Embalo do Forr&oacute; (Matin&ecirc;) e&nbsp;Forr&oacute; Imperial</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>Escorrega Mas N&atilde;o Cai</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size: 14px;">Tudo come&ccedil;ou com uma pequena quadrilha para animar as festividades juninas da Escola Estadual Campos Brasil, no Bairro de F&aacute;tima, no ano 2000. O sucesso da primeira apresenta&ccedil;&atilde;o rendeu convites para participar de outros eventos e do festival municipal. Em 2007, o grupo conquistou o terceiro lugar no concurso de quadrilhas da cidade. Para este ano, o grupo promete aperfei&ccedil;oar figurinos, coreografia e o tradicional casamento matuto.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>Os Malacabados</strong></u><br />
<br />
&Eacute; a &uacute;nica quadrilha que participou das 13 edi&ccedil;&otilde;es do festival municipal, desde 2001. A trajet&oacute;ria come&ccedil;ou no mesmo ano, com os alunos da Escola Municipal Sancha Ferreira, no setor Tecnorte. Considerada uma das 10 melhores quadrilhas do Estado, Os Malacabados j&aacute; se apresentaram em v&aacute;rias cidades da regi&atilde;o como Santa F&eacute; do Araguaia, Baba&ccedil;ul&acirc;ndia e Muricil&acirc;ndia. Para este ano, o tema do grupo ser&aacute; &ldquo;&Eacute; tempo de S&atilde;o Jo&atilde;o: Quadrilha, Fogueira e Paix&atilde;o&rdquo;, que mostrar&aacute; a paix&atilde;o dos casais de noivos e a sintonia de cores quentes da Rainha.</span><br />
<br />
<strong><u><span style="font-size: 14px;">Arranca Toco</span></u></strong><br />
<br />
<span style="font-size: 14px;">O grupo surgiu ainda em 1992 como a quadrilha do Col&eacute;gio Pr&eacute;-Universit&aacute;rio. Depois de participar de alguns festivais particulares, ressurgiu em 2002 e hoje &eacute; octacampe&atilde; da disputa municipal. Em 2011, a Arranca Toco foi campe&atilde; interestadual em Xambio&aacute;, terceira colocada no interestadual em Aragua&iacute;na e quinta colocada nos festivais estaduais de 2010, 2011 e 2012. O tema &ldquo;Nos ritmos juninos me alegro, me orgulho, me apaixono. Sou quadrilheiro Arranca Toco&rdquo; marcar&aacute; a apresenta&ccedil;&atilde;o do grupo em 2013 com a proposta de irradiar alegria e valorizar todos os ritmos brasileiros, do bai&atilde;o do Cear&aacute;, passando pelo xaxado da Para&iacute;ba, maracatu de Pernambuco, coco de embolado de Alagoas, forrobod&oacute; da Bahia e xote do sert&atilde;o.</span><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size: 14px;">Cora&ccedil;&otilde;es Caipiras</span></strong></u><br />
<br />
<span style="font-size: 14px;">A nova forma&ccedil;&atilde;o existe desde o ano passado. At&eacute; ent&atilde;o, o grupo era conhecido como &ldquo;Rasga Brasa&rdquo;. E ainda em 2012, a quadrilha foi vice-campe&atilde; no festival municipal, conquistou o primeiro lugar no quesito Casal de Noivos e Melhor Rainha 2012, e ainda venceu pequenos campeonatos como os festivais de Novo Horizonte e do Centro Comunit&aacute;rio do Bairro S&atilde;o Jo&atilde;o.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Neste ano, o tema do grupo ser&aacute; &ldquo;O Sertanejo: suas virtudes e seus lamentos&rdquo;, no qual o protagonista lamenta a seca pedindo chuva no sert&atilde;o para florir toda a planta&ccedil;&atilde;o e mostrar suas virtudes no S&atilde;o Jo&atilde;o.</span><br />
<br />
<strong><u><span style="font-size: 14px;">Os Galinheiros do Sert&atilde;o</span></u></strong><br />
<br />
<span style="font-size: 14px;">No come&ccedil;o, em 2009, foi uma brincadeira entre amigos, com apresenta&ccedil;&otilde;es somente em escolas, igrejas e pequenos festivais, representando os setores Raizal e Tereza Hil&aacute;rio Ribeiro. J&aacute; em 2011, com mais experi&ecirc;ncia, a quadrilha estreou no festival municipal e, no ano seguinte, integrou o grupo especial ficando em quarto lugar.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Para o S&atilde;o Jo&atilde;o do Cerrado 2013, o grupo trar&aacute; a cultura do vaqueiro e das vaquejadas com muita dan&ccedil;a, cultura, amor, tradi&ccedil;&atilde;o, f&eacute; e devo&ccedil;&atilde;o.</span><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size: 14px;">Os Fei de Cum For&ccedil;a</span></strong></u><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">No ano 2000, junto &agrave; comunidade escolar da Escola Estadual Joaquim de Brito Paranagu&aacute;, por meio de uma vota&ccedil;&atilde;o un&acirc;nime, surgiu a quadrilha Arrai&aacute; do Jeca, com 64 componentes. A primeira apresenta&ccedil;&atilde;o no festival municipal foi em 2001. De l&aacute; para c&aacute;, o grupo conquistou o quinto lugar na edi&ccedil;&atilde;o de 2004 e oitavo em 2006, quando aconteceu a mudan&ccedil;a do nome para Os Fei de Cum For&ccedil;a.<br />
<br />
Para 2013, o grupo trar&aacute; o tema &ldquo;Tradi&ccedil;&atilde;o, Amor e Paix&atilde;o no S&atilde;o Jo&atilde;o&hellip; S&atilde;o Jo&atilde;o t&aacute; diferente!&rdquo;, com passos antigos e novas formas diferentes de dan&ccedil;a. O casamento fala de um casal apaixonado que se conheceu no S&atilde;o Jo&atilde;o. A quadrilha mostra ent&atilde;o uma leitura atual de como a festividade est&aacute; diferente.</span></div>

Comentários pelo Facebook: