Sobral – 300×100
Seet

50 esportistas poderão ser beneficiados com Bolsa Atleta; investimento será de R$ 200 mil

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">A prefeitura de Aragua&iacute;na lan&ccedil;ou nesta quarta-feira (17) o Programa Bolsa Atleta e abriu o prazo para inscri&ccedil;&otilde;es que seguem at&eacute; 17 de agosto. Cerca de 50 atletas poder&atilde;o ser beneficiados com bolsas que v&atilde;o de R$ 500,00 a R$ 1.000,00. Participaram da cerim&ocirc;nia atletas, donos de escolinhas e autoridades do munic&iacute;pio.<br />
<br />
Durante a solenidade o prefeito Ronaldo Dimas afirmou que em breve novos projetos do Executivo estar&atilde;o sendo enviados para a C&acirc;mara. &ldquo;O Bolsa Atleta, assim como outros projetos que encaminharemos ao Legislativo, s&atilde;o compromissos nossos de campanha&rdquo;, acrescentou o prefeito.<br />
<br />
Dentre os crit&eacute;rios para sele&ccedil;&atilde;o das bolsas, segundo o secret&aacute;rio de Esportes, Cultura e Lazer, Wilamas Ferreira, o atleta deve residir e votar em Aragua&iacute;na. &ldquo;Assim teremos certeza que estaremos beneficiando esportistas da casa&rdquo;, explicou o secret&aacute;rio.<br />
<br />
Para o lutador de jiu jitsu Roniedson Andrade, a bolsa dar&aacute; disponibilidade para que os atletas tenham mais tempo para se dedicar ao esporte e representar melhor a cidade. &ldquo;At&eacute; agora, n&oacute;s deix&aacute;vamos de treinar para irmos atr&aacute;s de patroc&iacute;nios. Agora, podemos focar mais nos treinos e sermos mais competitivos&rdquo;, falou Roniedson.<br />
<br />
O ciclista Jean Rodrigues disse que com o valor recebido poder&aacute; representar melhor a cidade nacional e internacionalmente. &ldquo;Com a bolsa poderemos pagar hotel, alimenta&ccedil;&atilde;o, transporte e outras despesas quando temos que representar a cidade em outras localidades, no Brasil e at&eacute; no exterior&rdquo;, disse o ciclista, que &eacute; campe&atilde;o nacional.<br />
<br />
<u><strong>Sobre o programa</strong></u><br />
<br />
Para participar do programa Bolsa Atleta, os candidatos precisam ter idade m&iacute;nima de 14 anos para bolsas atletas regional, estadual, nacional, internacional, ol&iacute;mpica e paraol&iacute;mpica, e 12 anos para a Bolsa Estudantil. &Eacute; preciso estar em plena atividade esportiva, n&atilde;o estar cumprindo puni&ccedil;&otilde;es ou penas do Tribunal de Justi&ccedil;a Desportiva do Estado, Federa&ccedil;&atilde;o ou Confedera&ccedil;&otilde;es da modalidade correspondente e comprovar que reside em Aragua&iacute;na h&aacute; pelo menos dois anos. Tamb&eacute;m &eacute; necess&aacute;rio ser filiado &agrave; Associa&ccedil;&atilde;o, Clube, Federa&ccedil;&atilde;o ou Confedera&ccedil;&atilde;o da respectiva modalidade.<br />
<br />
As inscri&ccedil;&otilde;es est&atilde;o sendo feitas na Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer do munic&iacute;pio, localizada &agrave; Rua 25 de Dezembro (pr&eacute;dio da Prefeitura), ou pelo site da Prefeitura (www.araguaina.to.gov.br).<br />
<br />
O per&iacute;odo de sele&ccedil;&atilde;o vai de&nbsp; 26 a 31 de agosto e o nome dos atletas selecionados ser&atilde;o divulgados a partir de 16 de setembro.</span><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size: 14px;">Categorias</span></strong></u><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Na categoria Estudantil, atletas e paratletas precisam ter obtido at&eacute; a 3&ordf; coloca&ccedil;&atilde;o em Jogos Escolares, nas modalidades individual ou coletiva, nos &uacute;ltimos 12 meses.<br />
<br />
J&aacute; na Estadual, a exig&ecirc;ncia &eacute; at&eacute; a 5&ordf; coloca&ccedil;&atilde;o em eventos m&aacute;ximos da temporada ou que o atleta tenha se classificado entre os cinco primeiros colocados em pelo menos tr&ecirc;s das 10 &uacute;ltimas competi&ccedil;&otilde;es estaduais.<br />
<br />
Na categoria Nacional, o atleta precisa ter alcan&ccedil;ado at&eacute; a 30&ordf; coloca&ccedil;&atilde;o no evento m&aacute;ximo da temporada ou entre os 10 primeiros em pelo menos duas competi&ccedil;&otilde;es realizadas dentro de um per&iacute;odo de 12 meses.<br />
<br />
A categoria Internacional exige do atleta at&eacute; a 200&ordf; coloca&ccedil;&atilde;o em competi&ccedil;&otilde;es da temporada ou que ele tenha participado de pelo menos dois eventos internacionais do per&iacute;odo dos &uacute;ltimos 12 meses. Nesta categoria, o atleta tamb&eacute;m pode pleitear a bolsa caso integre a sele&ccedil;&atilde;o nacional de sua modalidade esportiva em campeonatos Sul-Americanos, Pan-Americanos ou Mundiais.<br />
<br />
E na categoria Ol&iacute;mpico e Paraol&iacute;mpico, o atleta precisa fazer parte de delega&ccedil;&otilde;es estaduais ou nacionais.<br />
<br />
Todas as modalidades precisam ser devidamente reconhecidas pelas federa&ccedil;&otilde;es e confedera&ccedil;&otilde;es espec&iacute;ficas. &Eacute; vetada a concess&atilde;o de mais de uma bolsa ao mesmo atleta.<br />
<br />
<u><strong>Valores</strong></u><br />
<br />
O projeto prev&ecirc; recursos na ordem de R$ 200 mil que ser&atilde;o distribu&iacute;dos em cinco categorias:<br />
<br />
Estudantil &ndash; At&eacute; R$ 500 mensais;<br />
Estadual &ndash; At&eacute; R$ 500 mensais;<br />
Nacional &ndash; At&eacute; R$ 800 mensais;<br />
Internacional &ndash; At&eacute; R$ 1.000 mensais;<br />
Ol&iacute;mpico e Paraol&iacute;mpico &ndash; R$ 1.000 mensais.<br />
A bolsa concedida ter&aacute; dura&ccedil;&atilde;o de 12 meses.</span></div>

Comentários pelo Facebook: