Seet
Sobral – 300×100

TO receberá 16 profissionais cubanos para atuar em 11 municípios

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size: 14px;">Segundo o Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de, o Estado receber&aacute; 16 profissionais cubanos do programa Mais M&eacute;dicos que atuar&atilde;o em onze munic&iacute;pios e um Distrito Sanit&aacute;rio Especial Ind&iacute;gena &ndash; DSEI. Munic&iacute;pios do Norte e do Nordeste ser&atilde;o os maiores beneficiados pelo trabalho do primeiro grupo de m&eacute;dicos cubanos que chegaram ao Brasil ap&oacute;s acordo do Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de com a Organiza&ccedil;&atilde;o Pan-Americana da Sa&uacute;de &ndash; OPAs dentro do programa Mais M&eacute;dicos.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Em todo o pa&iacute;s, 400 cubanos ser&atilde;o direcionados a um total de 219 localidades (206 munic&iacute;pios e 13 DSEIs). Juntas, as regi&otilde;es Norte e Nordeste receber&atilde;o 91% desses m&eacute;dicos &ndash; o equivalente a 364 profissionais. Eles trabalhar&atilde;o em unidades b&aacute;sicas de sa&uacute;de de 187 localidades (69 munic&iacute;pios e 12 distritos ind&iacute;genas no Norte e 105 munic&iacute;pios e um distrito ind&iacute;gena no Nordeste). Os 36 demais m&eacute;dicos ir&atilde;o para &aacute;reas carente em 26 cidades do Sudeste e em seis do Sul.<br />
<br />
At&eacute; o fim do ano, outros 3.600 profissionais cubanos chegam ao Brasil para ocupar os postos remanescentes ap&oacute;s novas rodadas de chamamento individual de brasileiros e estrangeiros.<br />
<br />
<u><strong>Munic&iacute;pios contemplados</strong></u><br />
<br />
Arraias 2<br />
Buriti do Tocantins 1<br />
Carrasco Bonito 1<br />
Centen&aacute;rio 1<br />
Esperantina 2<br />
Goiatins 1<br />
Mauril&acirc;ndia do Tocantins 1<br />
Ponte Alta do Bom Jesus 1<br />
Recursol&acirc;ndia 2<br />
Sampaio 2<br />
Santa Maria do Tocantins1<br />
Palmas (DSEI) – 1<br />
<br />
Tocantins – Total de 16 m&eacute;dicos</span></div>

Comentários pelo Facebook: