Audiência debaterá implantação de linhas de transporte alternativo

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">O prefeito de Aragua&iacute;na, Ronaldo Dimas, anunciou na tarde desta quinta-feira 19, a realiza&ccedil;&atilde;o de audi&ecirc;ncia p&uacute;blica para discutir o transporte p&uacute;blico de Aragua&iacute;na, al&eacute;m da viabilidade de implanta&ccedil;&atilde;o de linhas de transporte alternativo na cidade.<br />
<br />
O evento acontecer&aacute; no dia 30 de setembro, no audit&oacute;rio do Pal&aacute;cio Tancredo Neves, &agrave;s 19h30, e pretende tra&ccedil;ar com a popula&ccedil;&atilde;o solu&ccedil;&otilde;es e a propostas de novas linhas de &ocirc;nibus sejam implantadas no in&iacute;cio de 2014.<br />
<br />
O an&uacute;ncio da audi&ecirc;ncia foi feito ap&oacute;s reuni&atilde;o do prefeito com o presidente da FENATRAL (Federa&ccedil;&atilde;o Nacional do Transporte Alternativo), Expedito Bandeira, o presidente da COOPERLOTA, David Pereira, o presidente da C&acirc;mara Municipal, Marcus Marcelo, o vereador Divino Beth&acirc;nia J&uacute;nior, o secret&aacute;rio de Planejamento, Meio Ambiente, Ci&ecirc;ncias e Tecnologia, Bruno Rangel em que foi apresentado um estudo de viabilidade econ&ocirc;mica do transporte p&uacute;blico coletivo de passageiros em Aragua&iacute;na.<br />
<br />
<u><strong>Relat&oacute;rio</strong></u><br />
<br />
No relat&oacute;rio apresentado pela FENATRAL, a entidade realizou um estudo que teve a dura&ccedil;&atilde;o de 15 dias e relatou dados t&eacute;cnicos que apontaram as fragilidades do transporte p&uacute;blico atual. Com base no estudo, a Prefeitura propor&aacute; &agrave; popula&ccedil;&atilde;o oito novas linhas que atender&atilde;o todos os bairros. As novas rotas far&atilde;o o percurso bairro-centro em at&eacute; no m&aacute;ximo 20 minutos e contar&atilde;o com a integra&ccedil;&atilde;o da passagem atrav&eacute;s da bilhetagem eletr&ocirc;nica. &ldquo;Com a passagem, que ter&aacute; o mesmo custo atual de R$ 2,35, o usu&aacute;rio poder&aacute; atravessar toda a cidade pelo per&iacute;odo de uma hora&rdquo;, aponta o presidente da Federa&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
Segundo a proposta da Prefeitura, ap&oacute;s a audi&ecirc;ncia, ser&aacute; aberto um processo licitat&oacute;rio para permiss&atilde;o de cerca de 60 motoristas no transporte p&uacute;blico alternativo. De acordo com o edital, os ve&iacute;culos dever&atilde;o ser novos e devem contar com GPS, que registrar&aacute; os hor&aacute;rios, as rotas e a velocidade em tempo real, possibilitando o controle do Munic&iacute;pio quanto &agrave; qualidade dos servi&ccedil;os.<br />
<br />
A previs&atilde;o para o in&iacute;cio do sistema de transporte alternativo na cidade &eacute; no final do m&ecirc;s de janeiro de 2014. &ldquo;A fase de testes do novo sistema deve iniciar em janeiro de 2014, e ap&oacute;s um m&ecirc;s atender&aacute; em definitivo a popula&ccedil;&atilde;o&rdquo;, afirmou o prefeito Ronaldo Dimas.</span></div>

Comentários pelo Facebook: