Seet
Sobral – 300×100

Morre jornalista pioneiro no Tocantins, Salomão Wenceslau, de 'O Jornal'

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
Faleceu na tarde desta quarta-feira, 24, o diretor-presidente da rede de comunica&ccedil;&atilde;o O Jornal, Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues de Carvalho, 54 anos. De acordo com informa&ccedil;&otilde;es, ele teve um infarto fulminante e veio a &oacute;bito no Hospital Geral de Palmas (HGP).<br />
<br />
O jornalista deixa esposa e um filho. Seu corpo ser&aacute; velado na Assembleia Legislativa do Estado a partir das 18 horas.<br />
<br />
H&aacute; informa&ccedil;&otilde;es de que o jornalista, durante o almo&ccedil;o em sua resid&ecirc;ncia nesta quarta-feira, teria sentido um dorm&ecirc;ncia no bra&ccedil;o e pediu que a sua esposa, Joana de Castro, fizesse uma massagem.<br />
<br />
No entanto, o mal-estar progrediu e Joana achamou o Servi&ccedil;o de Atendimento M&oacute;vel de Urg&ecirc;ncia (Samu) para lev&aacute;-lo ao HGP.<br />
<br />
Salom&atilde;o chegou nessa ter&ccedil;a-feira, 23, de Goi&acirc;nia onde realizou uma bateria de exames, entre eles um de cora&ccedil;&atilde;o, e ficou constatado de que ele estava bem clinicamente. Um dos m&eacute;dicos que o atendeu no HGP explicou para a fam&iacute;lia que o um infarto fulminante pode ocorrer sem que a pessoa tenha antecedentes. <em>(Com informa&ccedil;&otilde;es do CT)</em></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>NOTA DE PESAR – Jo&atilde;o Ribeiro</strong></u><br />
<br />
<em>A imprensa tocantinense e a classe pol&iacute;tica est&atilde;o de luto com a perda inesperada do jornalista Salom&atilde;o Wenceslau.<br />
<br />
Pioneiro do jornalismo no Tocantins, Salom&atilde;o&nbsp; – como todo brasileiro – era um apaixonado por futebol e pol&iacute;tica. Ele&nbsp; fez do seu of&iacute;cio uma miss&atilde;o &aacute;rdua de levar &agrave; popula&ccedil;&atilde;o os bastidores da not&iacute;cia com bom humor, intelig&ecirc;ncia e simplicidade.<br />
<br />
Como colunista do O Jornal, de sua propriedade, Salom&atilde;o Wenceslau tornou obrigat&oacute;ria a leitura da sua coluna &ldquo;Dois dedos de prosa&rdquo;, todas as segundas-feiras. Na r&aacute;dio,&nbsp; onde tinha um programa aos domingos, Salom&atilde;o compartilhou com seus ouvintes o seu amor pela vida simples, da m&uacute;sica sertaneja de raiz.<br />
<br />
Lamento sua partida, mas tenho certeza que ele deixa um exemplo &agrave;s novas gera&ccedil;&otilde;es do jornalismo do Tocantins. Neste momento de dor, solidarizo-me &agrave; sua esposa Joana de Castro, ao filho Aur&eacute;lio, aos familiares, colegas de imprensa e amigos que com ele conviveram.</em></span><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size:14px;">Nota de Pesar -&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">Minist&eacute;rio P&uacute;blico do Tocantins/Assessoria&nbsp;</span></strong></u><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><em>Com profunda consterna&ccedil;&atilde;o, membros e servidores do Minist&eacute;rio P&uacute;blico do Estado do Tocantins expressam seu sentimento de pesar pelo falecimento de Luzia Costa Luz, aos 78 anos de idade.<br />
<br />
Av&oacute; do Defensor P&uacute;blico Geral do Tocantins Marlon Costa Luz Amorim, Dona Luza, como era carinhosamente conhecida, criou e educou seus dez filhos com valores humanos e solid&aacute;rios.<br />
<br />
O MPE presta sua homenagem e se solidariza com a dor dos amigos e familiares de Dona Luza. O vel&oacute;rio acontece nesta quinta-feira, 26, no munic&iacute;pio de Z&eacute; Doca (MA), onde viveu por mais de 50 anos.</em></span><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size:14px;">Nota de Pesar -&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">Procuradora-Geral de Justi&ccedil;a do Tocantins</span></strong></u><br />
<br />
<em><span style="font-size:14px;">Em nome dos membros e servidores do Minist&eacute;rio P&uacute;blico do Estado do Tocantins, a Procuradora-Geral de Justi&ccedil;a, Vera Nilva &Aacute;lvares Rocha Lira, presta solidariedade aos familiares e amigos do jornalista Salom&atilde;o Wenceslau. O presidente do grupo de comunica&ccedil;&atilde;o O Jornal faleceu nesta quarta-feira, 25, e deixa um legado de compromisso com a verdade e respeito &agrave; hist&oacute;ria tocantinense.<br />
<br />
Aos amigos e familiares, o respeito e sentimentos de pesar.<br />
<br />
Vera Nilva &Aacute;lvares Rocha Lira<br />
Procuradora-Geral de Justi&ccedil;a do Tocantins</span></em><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size:14px;">Nota -&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">Angelo Agnolin &ndash; Deputado Federal</span></strong></u><br />
<br />
<em><span style="font-size:14px;">O deputado federal Angelo Agnolin (PDT) expressa profundo pesar pelo falecimento do diretor-presidente da rede de comunica&ccedil;&atilde;o O Jornal, Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues de Carvalho.<br />
<br />
&ldquo;Recebo com profunda tristeza a not&iacute;cia da morte do grande amigo, jornalista Salom&atilde;o Wenceslau, a quem tive a honra de conceder o t&iacute;tulo de cidad&atilde;o tocantinense, por ter ajudado a escrever a hist&oacute;ria do nosso estado e pelo exemplo de vida que foi&rdquo;.<br />
<br />
Os &ldquo;dois dedos de prosa&rdquo; de Wenceslau deixa ao jornalismo tocantinense um grande legado: a figura de um homem que, com palavras simples e bem colocadas, soube transmitir e fazer compreender sua opini&atilde;o sobre os fatos.<br />
<br />
&ldquo;Que a fam&iacute;lia receba por parte da minha, os mais sinceros votos de pesar&rdquo;.</span></em><br />
<br />
<u><strong><span style="font-size:14px;">NOTA DE PESAR -&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">Deputado Osvaldo Reis</span></strong></u><br />
<br />
<em><span style="font-size:14px;">O Jornalismo tocantinense fica mais triste no dia de hoje. Perdemos um dos mais lembrados&nbsp; e competentes jornalistas da imprensa de nosso Estado. Perde o Brasil e n&atilde;o apenas o Tocantins, um dos mais ferrenhos defensores da imprensa livre e da democracia.&nbsp; Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues, lamento sua partida t&atilde;o precoce, mas tenho a certeza de que deixa seu exemplo &agrave;s novas gera&ccedil;&otilde;es de jornalistas brasileiros.<br />
<br />
Neste momento de pesar, solidarizo-me com os familiares e amigos deste grande jornalista.</span></em><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>NOTA -&nbsp;deputado Osires Damaso</strong></u><br />
<br />
<em>O primeiro vice-presidente da Assembl&eacute;ia Legislativa, deputado Osires Damaso (DEM) e toda a equipe de gabinete lamenta a morte do Jornalista e diretor-presidente da rede de comunica&ccedil;&atilde;o O Jornal, Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues de Carvalho, ocorrido na tarde desta quarta-feira, dia 25, no Hospital Geral de Palmas. O jornalista foi v&iacute;tima de um infarto fulminante. Socorrido e levado ao HGP, n&atilde;o resistiu e faleceu.<br />
<br />
&ldquo;Lamentamos profundamente a morte desse renomado jornalista. Um homem que sempre contribuiu para o crescimento do Tocantins e que defendia a democracia e a liberdade de express&atilde;o. Participou, ao longo de sua carreira, dos momentos relevantes da hist&oacute;ria do Estado, lembrou Damaso&rdquo;.<br />
<br />
Em sess&atilde;o ordin&aacute;ria, nesta tarde, Damaso presidiu os trabalhos da Mesa Diretora e registrou os Votos de Pesar dos parlamentares ao jornalista Salom&atilde;o.</em><br />
<br />
<u><strong>Nota de pesar -&nbsp;Am&aacute;lia Santana</strong></u><br />
<br />
<em>&Eacute; com imensa tristeza que manifesto profundo pesar pelo falecimento do jornalista Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues, ocorrido nesta quarta-feira,&nbsp; em Palmas. Pioneiro na &aacute;rea da Comunica&ccedil;&atilde;o do Tocantins Salom&atilde;o deixa um relevante e inesquec&iacute;vel trabalho prestado na &aacute;rea da Comunica&ccedil;&atilde;o no Tocantins.<br />
<br />
Pe&ccedil;o a Deus que conforte os familiares e amigos pela perda irrepar&aacute;vel.<br />
<br />
Am&aacute;lia Santana<br />
Deputada Estadual</em><br />
<br />
<u><strong>Nota de Pesar – PT</strong></u><br />
<br />
O Partido dos Trabalhadores lamenta profundamente o falecimento do jornalista e empres&aacute;rio Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues de Carvalho, diretor-presidente da rede de comunica&ccedil;&atilde;o tocantinense O Jornal, aos 54 anos, de infarto fulminante no Hospital Geral de Palmas.<br />
<br />
Pioneiro da comunica&ccedil;&atilde;o no Estado, o jornalista Salom&atilde;o Wenceslau, ainda foi um dos precursores do jornalismo esportivo no Estado, e se preparava para realizar a primeira cobertura tocantinense de uma Copa do Mundo.<br />
<br />
<em>O jornalista tamb&eacute;m apresentava atualmente na TV Redesat o programa &ldquo;Alma Sertaneja&rdquo;, recebeu o t&iacute;tulo de cidad&atilde;o tocantinense pela Assembleia Legislativa e foi premiado na IV edi&ccedil;&atilde;o do Trof&eacute;u Prisma.</em><br />
<br />
<u><strong>Nota – Deputado Iraj&aacute; Abreu</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><em>Diante do falecimento -&nbsp; perda irrepar&aacute;vel, do jornalista Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues, ocorrido&nbsp; hoje(25.09.13),&nbsp; expresso a minha solidariedade &agrave; Fam&iacute;lia, rogando a Deus&nbsp; que na sua infinita&nbsp; miseric&oacute;rdia, lhes confortem&nbsp; e ampare neste momento de tristeza e profunda&nbsp; dor.<br />
<br />
Iraj&aacute; Abreu<br />
Deputado federal licenciado</em></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>NOTA DE PESAR – Eduardo Gomes</strong></u></span><br />
<br />
<em style="font-size: 14px;">Palavras n&atilde;o s&atilde;o suficientes para expressar a dor da perda de todos n&oacute;s que tivemos a honra e o prazer de conviver com os textos e o carisma de Salom&atilde;o Wenceslau.</em><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><em>Mais do que um amigo, Salom&atilde;o era mentor de pol&iacute;ticos e de jornalistas. Nada escapava do seu olhar e ouvidos, sempre dispostos a ver e ouvir tudo o que acontecia no Estado, em Goi&aacute;s, no Brasil e no esporte. E, no O Jornal, reproduzia, como ningu&eacute;m, a not&iacute;cia. Sua coluna &ldquo;Dois Dedos de Prosa&rdquo; era lida e relida, pela an&aacute;lise clara de situa&ccedil;&otilde;es que, muitas vezes, passavam despercebidas pela grande maioria dos analistas e jornalistas do Tocantins.<br />
<br />
Como a pol&iacute;tica, o esporte era uma grande paix&atilde;o. Realizou seu sonho de cobrir a Copa do Mundo de Futebol, na &Aacute;frica do Sul. &Uacute;nico jornalista tocantinense a conseguir tal feito e a acompanhar a Sele&ccedil;&atilde;o Brasileira em muitos amistosos pelo mundo todo.<br />
<br />
Sim, nosso Estado deve muito a ele, por ter levado ao p&uacute;blico informa&ccedil;&otilde;es que, muita gente, n&atilde;o tinha coragem de publicar; por puxar orelhas, em sua coluna, orelhas que ningu&eacute;m se atrevia nem a tocar; por dizer aquilo que a maioria n&atilde;o queria ouvir.<br />
<br />
Como n&oacute;s, o seu Gongom&eacute; deve estar chorando de saudades. Que sua fam&iacute;lia enlutada receba os nossos mais sinceros e doloridos votos de pesar.<br />
<br />
Deputado Federal Eduardo Gomes<br />
Secret&aacute;rio Estadual dos Esportes e Lazer</em></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>Nota de pesar &ndash; Ronaldo Dimas/Prefeito de Aragua&iacute;na</strong></u><br />
<br />
<em>&Eacute; com imenso pesar que a Prefeitura de Aragua&iacute;na recebe a not&iacute;cia do falecimento do jornalista Salom&atilde;o Wenceslau Rodrigues de Carvalho, 54 anos, propriet&aacute;rio do impresso &quot; O Jornal&quot;, ocorrido na tarde desta quarta-feira, 25, em Palmas – TO.<br />
<br />
Ele era um dos principais jornalistas pol&iacute;ticos do Estado do Tocantins. Nos &uacute;ltimos 23 anos, dedicou-se ao exerc&iacute;cio de mostrar o Tocantins por uma &oacute;tica diferenciada, com olhar cr&iacute;tico de quem aponta os erros e espera a consci&ecirc;ncia dos gestores na resolu&ccedil;&atilde;o do problema.<br />
<br />
Amada e temida, a Coluna &quot;Dois dedos de prosa&quot; trazia para o leitor informa&ccedil;&otilde;es bomb&aacute;sticas, furo de reportagens e tamb&eacute;m a certeza de uma informa&ccedil;&atilde;o respons&aacute;vel.<br />
<br />
Salom&atilde;o tamb&eacute;m foi respons&aacute;vel por acolher estudantes de jornalismo e devolver ao mercado de trabalho profissionais diferenciados. Pessoas assim deixam sua marca e tamb&eacute;m admira&ccedil;&atilde;o. Perde o jornalismo tocantinense e perde tamb&eacute;m a comunidade.<br />
<br />
Solidarizo com amigos e familiares este momento de saudade. Que Deus possa confortar o cora&ccedil;&atilde;o de todos.<br />
<br />
Ronaldo Dimas Nogueira Pereira<br />
Prefeito de Aragua&iacute;na</em></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>NOTA DE PESAR – Luana Ribeiro</strong></u><br />
<br />
<em>Estamos todos consternados com a morte prematura do jornalista Salom&atilde;o Wenceslau.&nbsp; Com um jeito manso de falar, uma intelig&ecirc;ncia &iacute;mpar e um olhar cr&iacute;tico das quest&otilde;es pol&iacute;ticas do Estado, Salom&atilde;o deixar&aacute; muitas saudades. Como leitora fiel da coluna &ldquo;Dois dedos de prosa&rdquo;, assinada por ele, sentirei muita falta das an&aacute;lises diretas e irreverentes.<br />
<br />
O seu bord&atilde;o: &ldquo;&Eacute;, pois &eacute;. &Eacute; isso a&iacute;&rdquo; – que dizia muita coisa, sem precisar citar nada -, jamais ser&aacute; esquecido.&nbsp; Salom&atilde;o marcou &eacute;poca no jornalismo do Tocantins com sua simplicidade, ast&uacute;cia, seriedade e busca constante pela not&iacute;cia bem apurada.<br />
<br />
Tamb&eacute;m lembraremos sempre de sua atua&ccedil;&atilde;o em Goi&aacute;s, principalmente, porque ele esteve presente na campanha da minha sogra Concei&ccedil;&atilde;o Gayer. A conviv&ecirc;ncia com ele neste per&iacute;odo estar&aacute; sempre no cora&ccedil;&atilde;o da minha fam&iacute;lia.<br />
<br />
Aos familiares e amigos do ilustre Salom&atilde;o, deixo aqui o meu apoio e solidariedade. Lamento o falecimento deste grande jornalista e sinto-me orgulhosa de ter convivido com ele.<br />
<br />
#ValeuSalom&atilde;o<br />
Deputada Estadual Luana Ribeiro (PR)</em></span></div>

Comentários pelo Facebook: