Seet
Sobral – 300×100

Prefeitura realizará Fórum Perinatal da Região de Saúde de Araguaína

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">A Prefeitura de Aragua&iacute;na, por meio da Secretaria Municipal de Sa&uacute;de, em parceria com a Secretaria Estadual de Sa&uacute;de do Tocantins, realizar&aacute; o F&oacute;rum Perinatal da Regi&atilde;o de Sa&uacute;de do Munic&iacute;pio. O evento, que ir&aacute; discutir os indicadores de &oacute;bitos materno e infantil da regi&atilde;o, ocorrer&aacute; na pr&oacute;xima quarta-feira, 6 de novembro, das 8 &agrave;s 12h, no audit&oacute;rio da FIETO, na Avenida Dom Emanuel, Bairro Senador.<br />
<br />
Nessa primeira fase, ser&atilde;o apresentados a contextualiza&ccedil;&atilde;o e os objetivos do F&oacute;rum que s&atilde;o discutir a assist&ecirc;ncia materno-infantil, reduzir a mortalidade materna e infantil e operacionalizar a Rede Cegonha. Essa consiste em uma rede de cuidados que visa assegurar &agrave; mulher o direito ao planejamento reprodutivo e &agrave; aten&ccedil;&atilde;o humanizada &agrave; gravidez, ao parto e ao puerp&eacute;rio, bem como &agrave; crian&ccedil;a o direito ao nascimento seguro e ao crescimento e desenvolvimento saud&aacute;veis, institu&iacute;dos pela Portaria Ministerial n&deg; 1.459, de 24 de junho de 2011.<br />
<br />
A Regi&atilde;o Norte &eacute; uma das regi&otilde;es que possui a maior preval&ecirc;ncia em mortalidade materna no Brasil. Esse fato &eacute; um desafio para os servi&ccedil;os de sa&uacute;de e para a sociedade, onde as altas taxas configuram um grave problema de sa&uacute;de p&uacute;blica.<br />
<br />
O f&oacute;rum funcionar&aacute; como uma esp&eacute;cie de &oacute;rg&atilde;o deliberativo, que ter&aacute; reuni&atilde;o mensal, com a presen&ccedil;a de secretarias, hospitais, maternidades, Minist&eacute;rio P&uacute;blico, conselhos de sa&uacute;de, conselhos profissionais, sociedade civil e institui&ccedil;&otilde;es a fim de promover a sa&uacute;de e a qualidade de vida da mulher e da crian&ccedil;a.</span></div>

Comentários pelo Facebook: