Sobral – 300×100
Seet

CEM José Aluísio promove noite literária com músicas, danças e interpretações de clássicos

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">ARAGUA&Iacute;NA (TO) – Na noite de sexta-feira, 08 de novembro, o Centro de Ensino M&eacute;dio&nbsp; Dr. Jos&eacute; Alu&iacute;sio da Silva Luz promoveu sua II Noite Liter&aacute;ria, evento anual da &aacute;rea de L&iacute;ngua Portuguesa que tem como objetivo promover a leitura e o letramento liter&aacute;rio, centrado na chamada Literatura Modernista.<br />
<br />
O evento foi produzido pelos alunos dos 3&ordm; anos do ensino m&eacute;dio e iniciou-se com a apresenta&ccedil;&atilde;o de um telejornal &nbsp;no qual foram foram interpretados grandes nomes do Modernismo como:&nbsp; Oswald&nbsp; de Andrade, Mario de Andrade, Tarsila do Amaral, Anita Malfatti, entre outros percussores do movimento.<br />
<br />
A produ&ccedil;&atilde;o de curtas-metragens foi tamb&eacute;m um dos destaques da noite. Os alunos se inspiraram em cl&aacute;ssicos como &#39;Capit&atilde;es da Areia&#39; e &#39;Tieta do Agreste&#39; de Jorge Amado, e outros como &#39;Triste Fim de Policarpo Quaresma&#39; do autor Lima Barreto.<br />
<br />
Os estudantes ainda promoveram uma homenagem ao Centen&aacute;rio de Vin&iacute;cius de Morais com uma bel&iacute;ssima&nbsp; apresenta&ccedil;&atilde;o musical da aluna Milena Almeida que&nbsp; tocou e cantou o cl&aacute;ssico &#39;Garota de Ipanema&#39;.<br />
<br />
<u><strong>O Nordeste</strong></u><br />
<br />
O evento liter&aacute;rio promoveu tamb&eacute;m um amplo estudo das obras com tem&aacute;ticas centradas na regi&atilde;o nordeste do pa&iacute;s, al&eacute;m de apresenta&ccedil;&otilde;es teatrais de cl&aacute;ssicos como &#39;Vidas Secas&#39; de Graciliano Ramos (contou tamb&eacute;m com um curta-metragem), &#39;O Quinze&#39; de Rachel de Queiroz, tendo destaque especial ainda para as declama&ccedil;&otilde;es de &#39;Morte e Vida Severina&#39; &nbsp;apresentadas em forma de cordel por alunos que interpretaram figuras folcl&oacute;ricas e culturais como Lampi&atilde;o e Maria Bonita, e os igualmente conhecidos Chic&oacute; e Jo&atilde;o Grilo, personagens das obras de Ariano Suassuna para cantar &ldquo;em&nbsp; versinhos de can&aacute;rio pardo&rdquo; as tristezas e alegrias do Nordeste.<br />
<br />
A noite contou com um belo coral formado exclusivamente&nbsp; por alunos que interpretaram &#39;Asa Branca&#39;, &nbsp;do cantor Luiz Gonzaga, &nbsp;com a misturas de instrumentos cl&aacute;ssicos como o violino e a tradicional sanfona. As &nbsp;apresenta&ccedil;&otilde;es de dan&ccedil;as t&iacute;picas como o Xaxado e a Quadrilha foram tamb&eacute;m destaque na noite.<br />
<br />
<u><strong>Evento</strong></u><br />
<br />
O evento foi preparado ao longo do ano letivo com a leitura de obras e estudo das tem&aacute;ticas Modernistas. A organiza&ccedil;&atilde;o ficou por conta dos professores de L&iacute;ngua Portuguesa, Aldo Marcos, Milracy Costa&nbsp; e Gl&aacute;ucia Peixoto, que se dedicaram e se doaram &agrave; execu&ccedil;&atilde;o do projeto com o apoio de toda a equipe escolar.<br />
<br />
Para as alunas Luana e Safira (3&ordm; &ldquo;G&rdquo;), que abriram as apresenta&ccedil;&otilde;es da noite, o evento foi importante porque propiciou aos estudantes um&nbsp; conv&iacute;vio direto e l&uacute;dico com a literatura, indo al&eacute;m da leitura e pesquisa, vivendo as obras e personagens retratados no evento.<br />
<br />
<u><strong>Fotos do evento</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><u><strong>#GaleriaAlbum:e3e6f639f689fcfdb2d5c57dfb58f391#</strong></u></span></div>

Comentários pelo Facebook: