Seet
Sobral – 300×100

Siqueira se irrita com protesto, chama manifestantes de vagabundos, usuários de crack e manda rasgar cartazes

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
Siqueira Campos refor&ccedil;ou a tese de que n&atilde;o leva desaforo pra casa. Durante a assinatura da ordem de servi&ccedil;o para in&iacute;cio das obras do Hospital Geral de Aragua&iacute;na (HGA), nesta ter&ccedil;a-feira, 12, o governador se irritou com um grupo de manifestantes da ONG SOS Liberdade que estavam expondo cartazes contendo cr&iacute;ticas &agrave; sua gest&atilde;o e relembrando as promessas n&atilde;o cumpridas.<br />
<br />
A situa&ccedil;&atilde;o piorou quando um deles interferiu em voz alta, bem no in&iacute;cio da fala de Siqueira Campos, desafiando-o a levantar-se para fazer seu discurso. No cartaz, o manifestante afirmava: &ldquo;Governador, o povo se cansou de suas falsas promessas&rdquo;. Irritado, Siqueira usou adjetivos como vagabundos e usu&aacute;rios de crack para referir-se ao grupo, e ainda mandou a pol&iacute;cia rasgar os cartazes e expulsar os manifestantes.<br />
<br />
O prefeito de Aragua&iacute;na, Ronaldo Dimas (PR), ainda tentou contornar a situa&ccedil;&atilde;o e pediu desculpas ao governador destacando que o povo de Aragua&iacute;na &eacute; ordeiro e trabalhador, mas h&aacute; uma minoria de baderneiros que querem tumultuar o evento.<br />
<br />
<img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/falsas%20promessas(1).jpg" style="width: 300px; height: 153px; border-width: 0px; border-style: solid; margin-left: 5px; margin-right: 5px; float: left;" />O comandante do 2&ordm; BPM, Major Silva Neto, j&aacute; vinha tentando resolver o problema de forma diplom&aacute;tica com os manifestantes. Mas ap&oacute;s a irrita&ccedil;&atilde;o do governador, um Coronel de sua guarda pessoal desceu do palco, em passos apressados, se dirigiu aos manifestantes e apontando o dedo na cara de um deles, rasgou o cartaz e saiu empurrando-o.&nbsp;<br />
<br />
Neste momento, Siqueira Campos disparou, inclusive insinuando que eles estariam a servi&ccedil;o da oposi&ccedil;&atilde;o. <em>&ldquo;Deixa eles ganharem o dinheirinho deles.&nbsp; S&atilde;o vagabundos! S&atilde;o Vagabundos! Se vendem a qualquer pre&ccedil;o. Eles est&atilde;o pisando num ch&atilde;o de um Estado que eu criei. Tudo que tem em Aragua&iacute;na, o Hospital e tudo mais, eu dei minha contribui&ccedil;&atilde;o.&nbsp; Isso ai &eacute; desordeiro. Pessoa desocupada, ganhando um dinheirinho para comprar crack,&rdquo;</em> esbravejou.<br />
<br />
Para justificar a a&ccedil;&atilde;o de sua guarda pessoal, Siqueira Campos afirmou que para os &ldquo;baderneiros, pol&iacute;cia neles!&rdquo;. O governador pediu ainda que algu&eacute;m desse alguma ocupa&ccedil;&atilde;o aos manifestantes e &ldquo;dinheirinho para eles comprarem crack&rdquo;.<br />
<br />
<img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/protesto(1).jpg" style="width: 610px; height: 332px;" /></span></div>

Comentários pelo Facebook: