Seet
Sobral – 300×100

Secretário de Esporte promete investir 400 mil no Mirandão

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">O secret&aacute;rio Estadual do Esporte, Rodolfo Costa Botelho, garantiu que, se depender do Governo do Estado, o Campeonato Estadual de Futebol ter&aacute; in&iacute;cio normalmente em 22 de fevereiro. A afirma&ccedil;&atilde;o foi feita durante entrevistas nas r&aacute;dios 96 FM e CBN, na manh&atilde; desta quarta-feira, 15.<br />
<br />
Questionado sobre os problemas existentes nos est&aacute;dios, disse que aqueles sob responsabilidade da Secretaria estar&atilde;o em condi&ccedil;&otilde;es de receber a competi&ccedil;&atilde;o estadual. Pertecem ao Estado os est&aacute;dios </span><span style="font-size:14px;">Mirand&atilde;o (Aragua&iacute;na), Nilton Santos (Palmas), Castanheir&atilde;o (Miracema) e Resend&atilde;o (Gurupi).</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">No Est&aacute;dio Mirand&atilde;o, Botelho afirmou que receber&aacute; diversas melhorias, incluindo a recupera&ccedil;&atilde;o do gramado. Ele ressaltou, ainda, que dentro de 60 dias ser&atilde;o investidos R$ 400 mil naquele est&aacute;dio.<br />
<br />
No Castanheir&atilde;o, o secret&aacute;rio informou que o Governo do Estado ir&aacute; investir R$ 200 mil, neste mesmo per&iacute;odo, para as reformas mais importantes, de forma a atender a realiza&ccedil;&atilde;o do campeonato.<br />
<br />
Quanto ao Resend&atilde;o, em Gurupi, o secret&aacute;rio disse que ser&atilde;o investidos cerca de R$ 2 milh&otilde;es na moderniza&ccedil;&atilde;o no est&aacute;dio, incluindo melhoraria da ilumina&ccedil;&atilde;o, arquibancadas, gramado e cabines de imprensa.<br />
<br />
J&aacute; em rela&ccedil;&atilde;o ao Nilton Santos, Botelho afirmou que o Estado vai gastar R$ 2,1 milh&otilde;es para fazer as reformas necess&aacute;rias como a troca do gramado, pinturas das arquibancadas, al&eacute;m da coloca&ccedil;&atilde;o de assentos e melhoria das cabines de imprensa. Segundo ele, o campeonato come&ccedil;ar&aacute; normalmente, pois as obras ser&atilde;o feitas sem atrapalhar a competi&ccedil;&atilde;o. Vale destacar que dos R$ 2,1 milh&atilde;o, R$ 2 milh&otilde;es ser&atilde;o do Minist&eacute;rio do Esporte e R$ 100 mil a contrapartida do Governo do Estado. <em>(Reinaldo Cisterna)</em></span></div>

Comentários pelo Facebook: