Sobral – 300×100
Seet

Dirceu, Delúbio e Cunha vão pedir doação para multa

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">Inspirados pelo exemplo do ex-deputado Jos&eacute; Genoino (PT-SP), que conseguiu pagar com doa&ccedil;&otilde;es a multa de R$ 667,5 mil imposta pelo Supremo Tribunal Federal no julgamento do mensal&atilde;o, os petistas Jo&atilde;o Paulo Cunha, Del&uacute;bio Soares e Jos&eacute; Dirceu tamb&eacute;m v&atilde;o abrir sites na internet para arrecadar dinheiro.<br />
<br />
De acordo com o coordenador do setorial jur&iacute;dico do PT, Marco Aur&eacute;lio Carvalho, os portais est&atilde;o sendo criados pelas fam&iacute;lias dos tr&ecirc;s condenados e contam com o apoio do partido.<br />
<br />
&quot;Esses sites foram organizados pela fam&iacute;lia de cada um dos condenados e o PT apoia. A verba do fundo partid&aacute;ria n&atilde;o pode, por lei, ser usada para isso. Ent&atilde;o, o PT vai acionar da milit&acirc;ncia para que, de forma solid&aacute;ria, participe dessa campanha&quot;, afirmou.<br />
<br />
Condenado a 10 e 10 meses de pris&atilde;o, o ex-ministro da Casa Civil Jos&eacute; Dirceu ter&aacute; que pagar 260 dias-multa no valor de 10 sal&aacute;rios m&iacute;nimos (no montante vigente &agrave; &eacute;poca do crime, de R$ 260), o que d&aacute; R$ 676 mil. O valor ainda vai aumentar porque ser&aacute; atualizado com base na infla&ccedil;&atilde;o quando a Vara de Execu&ccedil;&otilde;es Penais do Distrito Federal intimar o petista, o que ainda n&atilde;o ocorreu.<br />
<br />
O ex-tesoureiro do PT Del&uacute;bio Sorares j&aacute; foi intimado pela Vara a pagar multa de R$ 466,8 mil. O deputado federal Jo&atilde;o Paulo Cunha (PT-SP) ainda n&atilde;o foi preso e a multa prevista na ocasi&atilde;o da condena&ccedil;&atilde;o pelo STF era de R$ 370 mil, valor que ainda sofrer&aacute; altera&ccedil;&atilde;o no momento da aplica&ccedil;&atilde;o da pena.<br />
<br />
Para o coordenador do setorial jur&iacute;dico do PT, as campanhas na internet para obter os recursos ser&atilde;o &quot;um sucesso&quot;.<br />
<br />
&quot;Essa rede de solidariedade ser&aacute; ampliada e vai dar sustento. Vai ser um sucesso como a do Genoino. A solidariedade entre os companheiros &eacute; um valor que nos diferencia de tantos outros partidos. &Eacute; uma marca importante que o PT tem. A gente chega ao final da campanha de Genoino com a compreens&atilde;o de que a milit&acirc;ncia ajudou&quot;, disse Marco Aur&eacute;lio Carvalho.<br />
<br />
<u><strong>Multas</strong></u><br />
<br />
Nesta segunda, venceu o prazo para que cinco condenados no processo do mensal&atilde;o pagassem as multas devidas &agrave; Justi&ccedil;a- os ex-deputados federais Jos&eacute; Genoino (PT-SP) e Valdemar Costa Neto (PR-SP); o operador do mensal&atilde;o, Marcos Val&eacute;rio; e os ex-s&oacute;cios dele Cristiano Paz e Ramon Hollerbach.<br />
<br />
Se as multas n&atilde;o tiverem sido pagas, a Vara enviar&aacute; as informa&ccedil;&otilde;es &agrave; Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, que vai inscrever o nome dos condenados na d&iacute;vida ativa e iniciar procedimento de execu&ccedil;&atilde;o fiscal, para garantir o dep&oacute;sito dos valores. Os recursos ir&atilde;o para o Fundo Penitenci&aacute;rio Nacional, usado para melhorias nas condi&ccedil;&otilde;es dos pres&iacute;dios.<br />
<br />
A defesa de Genoino informou que depositou o valor, obtido com doa&ccedil;&otilde;es a partir de uma campanha na internet. J&aacute; os advogados de Marcos Val&eacute;rio, Ramon Hollerbach e Cristiano Paz informaram que seus clientes n&atilde;o pagariam nesta segunda as d&iacute;vidas com a Justi&ccedil;a.<br />
<br />
A Vara de Execu&ccedil;&otilde;es Penais informou que n&atilde;o deve divulgar nesta segunda (20) se os condenados no processo do mensal&atilde;o pagaram ou n&atilde;o as multas. As&nbsp; informa&ccedil;&otilde;es sobre os valores depositados em ju&iacute;zo dever&atilde;o ser repassadas pela Vara ao longo da semana. <em>(</em></span><em><span style="font-size: 14px;">Nathalia Passarinho /</span><span style="font-size: 14px;">Do G1, em Bras&iacute;lia)</span></em></div>

Comentários pelo Facebook: