Seet
Sobral – 300×100

Deputado diz que comissão presidida por Ronaldo Dimas foi feita sob “catrevagem” e dispara: "vão a puta que pariu”

admin -

<div>
<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
O deputado estadual Jos&eacute; Bonif&aacute;cio usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Tocantins nesta quarta-feira (12) para declarar seu rep&uacute;dio &agrave; escolha dos novos membros da Executiva Estadual do Partido da Rep&uacute;blica (PR), que tem o prefeito Ronaldo Dimas como novo presidente.<br />
<br />
Bonif&aacute;cio n&atilde;o economizou cr&iacute;ticas e demais adjetivos. <em>&ldquo;Eu n&atilde;o desejo sorte a essa comiss&atilde;o n&atilde;o, comiss&atilde;o feita sob catrevagem. Eu repudio o senador Alfredo Nascimento </em>[que escolheu a comiss&atilde;o]<em> e repudio a falta de respeito com os deputados, que eles v&atilde;o a puta que pariu&rdquo;</em>, disparou.<br />
<br />
Bonif&aacute;cio se solidarizou com a deputada Luana Ribeiro, uma das candidatas &agrave; presid&ecirc;ncia do partido, e afirmou ainda que o PR &eacute; hoje <em>&ldquo;um partido acanhado, vendido por reles moedas judaicas&rdquo;</em>. <em>&ldquo;Hoje eu me envergonho de pertencer ao PR, esse partido est&aacute; detonado, tomara que eu me detone como ele&rdquo;,</em> disse Bonif&aacute;cio.<br />
<br />
Os deputados Marcelo Lelis (PV), Am&aacute;lia Santana (PT), Eli Borges (PROS), Jos&eacute; Roberto (PT) usaram a palavra tamb&eacute;m para se solidarizar com a deputada Luana Ribeiro. <em>&ldquo;Foi uma decis&atilde;o infeliz do PR, e tamb&eacute;m repudio essa decis&atilde;o&rdquo;</em>, destacou Am&aacute;lia Santana.<br />
<br />
A principal reclama&ccedil;&atilde;o de Luana Ribeiro &eacute; que a maioria dos membros do partido apoiavam sua candidatura &agrave; presid&ecirc;ncia, mas o senador Alfredo Nacimento escolheu Ronaldo Dimas, contrariando o desejo da maioria.&nbsp;A situa&ccedil;&atilde;o se agravou com o fato de que Luana s&oacute; tomou conhecimento da decis&atilde;o pela imprensa.</span></div>

Comentários pelo Facebook: