Sobral – 300×100
Seet

Ecoporto de Praia Norte deve ser inaugurado em setembro com investimento de R$ 30 milhões

admin -

<span style="font-size:14px;">Nesta quinta-feira, 27, o governador, Siqueira Campos, e o secret&aacute;rio de Desenvolvimento Econ&ocirc;mico, Paulo Massuia, receberam executivos alem&atilde;es do Grupo Eurolatina, respons&aacute;vel pela implanta&ccedil;&atilde;o do Ecoporto de Praia Norte, no extremo Norte do Tocantins.<br />
<br />
Com investimento de aproximadamente R$ 30 milh&otilde;es na constru&ccedil;&atilde;o, sendo R$ 7 milh&otilde;es do Governo do Estado, o empreendimento deve ser inaugurado em setembro desse ano. Durante a reuni&atilde;o com o governador, o diretor da Eurolatina, Klaus Weyand, marcou tamb&eacute;m a data para o in&iacute;cio da opera&ccedil;&atilde;o do modal: dezembro de 2014.<br />
<br />
O transporte de cargas 100% comerciais s&oacute; deve come&ccedil;ar em fevereiro, temporada de safra da soja no Tocantins. Segundo os executivos da empresa, dezembro foi escolhido para dar in&iacute;cio a opera&ccedil;&atilde;o devido a temporada de maior volume de &aacute;gua no rio.<br />
<br />
A diretora executiva do Ecoporto Praia Norte, Sandra Kramer, afirmou que os contatos com os principais clientes j&aacute; come&ccedil;aram. <em>&ldquo;Al&eacute;m de dois armadores nacionais, estamos em contato com a maior empresa do mundo em commodities agr&iacute;colas. Eles j&aacute; operam em Bel&eacute;m, mas a carga chega at&eacute; l&aacute; de caminh&atilde;o e &eacute; nesse trecho que queremos transportar soja e fertilizantes para eles&rdquo;.</em><br />
<br />
<u><strong>Investidores alem&atilde;es</strong></u><br />
<br />
Na oportunidade, diretores do Ecoporto apresentaram a maior empresa armadora de navega&ccedil;&atilde;o da Europa.<br />
<br />
O grupo j&aacute; tem empreendimentos no Brasil, em Mato Grosso, al&eacute;m do Paraguai e da Argentina onde transportam min&eacute;rio de ferro. O motivo da visita ao Tocantins &eacute; a chegada do Ecoporto, que deve trair empresas do ramo ao Estado. Os executivos da Imperial Shipping tem interesse em trabalhar em parceria com o Ecoporto.<br />
<br />
Para o secret&aacute;rio, Paulo Massuia, a vinda desses empres&aacute;rios ao Estado, faz parte de um processo natural que ser&aacute; desencadeado com o in&iacute;cio do funcionamento do Ecoporto Praia Norte. &ldquo;Um empreendimento como esse, de grande porte e encabe&ccedil;ado por um grupo importante como o Eurolatina, tr&aacute;s mais credibilidade ao Estado e acaba gerando desenvolvimento para v&aacute;rios setores da economia&rdquo;.<br />
<br />
J&aacute; o governador, lembrou a import&acirc;ncia do derrocamento do Pedral do Louren&ccedil;o &ndash; recentemente autorizado pela presidenta Dilma Rousseff, ap&oacute;s v&aacute;rias solicita&ccedil;&atilde;o de Siqueira Campos &ndash; para o desenvolvimento do transporte fluvial no Estado. &ldquo;A hidrovia &eacute; de grande import&acirc;ncia para a atra&ccedil;&atilde;o de novas empresas e para a industrializa&ccedil;&atilde;o no Estado. Em 1973 apresentei esse projeto, naturalmente, com a Ferrovia e a hidrovia em plena opera&ccedil;&atilde;o, a economia do Tocantins ir&aacute; crescer consideravelmente tornando o Estado um dos mais promissores e desenvolvidos do pa&iacute;s&rdquo;.</span>

Comentários pelo Facebook: