Sobral – 300×100
Seet

Aulas nos três novos campi da Unitins podem começar já no segundo semestre

admin -

<span style="font-size:14px;">A Comiss&atilde;o de Estudos para a Implanta&ccedil;&atilde;o dos novos Campi da Unitins est&aacute; divididas em v&aacute;rias frentes de trabalho para solucionar demandas como infraestrutura, cria&ccedil;&atilde;o de cursos, projetos pedag&oacute;gicos -&nbsp; quest&otilde;es jur&iacute;dicas, administrativas e financeiras – para ofertar ensino p&uacute;blico e de qualidade aos tocantinenses nos tr&ecirc;s novos campi da Funda&ccedil;&atilde;o Universidade do Tocantins (Unitins). Os campi ser&atilde;o criados nos munic&iacute;pios de Araguatins, Augustin&oacute;polis e Dian&oacute;polis.<br />
<br />
Conforme o reitor da Unitins, Joaber Divino Macedo, a universidade j&aacute; est&aacute; elaborando os projetos pedag&oacute;gicos dos cursos que ser&atilde;o ofertados. &ldquo;Estamos trabalhando com a perspectiva de iniciar as aulas j&aacute; no segundo semestre nos tr&ecirc;s novos campi&rdquo;, informou.<br />
<br />
Segundo Joaber, a comiss&atilde;o j&aacute; est&aacute; em negocia&ccedil;&atilde;o para conseguir a infraestrutura necess&aacute;ria para cria&ccedil;&atilde;o dos campi. <em>&ldquo;H&aacute; uma frente de trabalho buscando adquirir a infraestrutura local para recep&ccedil;&atilde;o desses cursos, j&aacute; que s&atilde;o presenciais. Abrimos negocia&ccedil;&atilde;o e j&aacute; temos garantia da Seduc [Secretaria de Estado da Educa&ccedil;&atilde;o] para utilizar estrutura de uma escola estadual na cidade de Araguatins; e tamb&eacute;m buscamos parcerias com as prefeituras de Dian&oacute;polis e Augustin&oacute;polis, sendo que a prefeitura de Dian&oacute;polis&nbsp; j&aacute; providenciou a cria&ccedil;&atilde;o de uma lei que cede as instala&ccedil;&otilde;es da Faculdade Para o Desenvolvimento do Sudeste Tocantinense [Fades] para a Unitins&rdquo;</em>, adiantou.<br />
<br />
<strong><u>Cria&ccedil;&atilde;o de cursos</u></strong><br />
<br />
Macedo relata que para a cria&ccedil;&atilde;o dos cursos est&atilde;o sendo seguidas as diretrizes do governo federal. Tratam-se de cursos voltados para a forma&ccedil;&atilde;o de professores e com a garantia de que os cursos j&aacute; existentes nas universidades que est&atilde;o cedendo a estrutura f&iacute;sica v&atilde;o ser mantidos.&nbsp; O reitor tamb&eacute;m explicou que a cria&ccedil;&atilde;o dos cursos nas &aacute;reas de sa&uacute;de, como medicina, requer mais de tempo e negocia&ccedil;&atilde;o. &ldquo;Estamos buscando apoio para garantir a infraestrutura necess&aacute;ria para abrigar os cursos. Reunimos-nos com o secret&aacute;rio executivo do Minist&eacute;rio da Educa&ccedil;&atilde;o [MEC], doutor Luiz Claudio, onde houve uma sinaliza&ccedil;&atilde;o positiva para a cria&ccedil;&atilde;o do curso de medicina na Unitins e tamb&eacute;m em todas as universidades estaduais, com a finalidade de ampliar a oferta de vagas. Para isso, n&oacute;s iremos caminhar junto com a Associa&ccedil;&atilde;o Brasileira dos Reitores da Universidades Estaduais e Municipais [ABRUEM] e atrav&eacute;s de grupo de trabalho iremos solicitar em bloco a cria&ccedil;&atilde;o dos cursos de medicina&rdquo;, refor&ccedil;ou.<br />
<br />
A Lei n&ordm; 2.829, que cria campus da Funda&ccedil;&atilde;o Universidade do Tocantins&nbsp; em Araguatins, Augustin&oacute;polis e Dian&oacute;polis, no interior do Estado, foi publicada no Di&aacute;rio Oficial do Tocantins. A lei havia sido aprovada na Assembleia Legislativa na &uacute;ltima quarta-feira, 26, e foi sancionada pelo Governador Siqueira Campos na quinta-feira, 27.</span>

Comentários pelo Facebook: