Governo concede data-base de 10,8%; pagamento será em 1º de junho e aumentará folha mensal em R$ 17 milhões

admin -

<span style="font-size:14px;">O governo do Estado publica, no Di&aacute;rio Oficial desta segunda-feira, 26, medida provis&oacute;ria que concede reajuste de 10,808% a todos os servidores p&uacute;blicos efetivos do Estado (incluindo militares), aposentados e pensionistas. No total, s&atilde;o beneficiados com o reajuste, que j&aacute; estar&aacute; inclu&iacute;do nos sal&aacute;rios na folha de maio (a ser paga em 1&ordm; de junho), 41.746 pessoas, das quais 38.438 est&atilde;o na ativa. O secret&aacute;rio de Administra&ccedil;&atilde;o, L&uacute;cio Mascarenhas, anunciou o pagamento durante reuni&atilde;o nesta segunda, com membros de todas as entidades que representam as categorias de servidores p&uacute;blicos no Estado.<br />
<br />
O pagamento da data-base em maio faz parte de acordo firmado em 2012 entre o governo do Estado e os sindicatos de servidores p&uacute;blicos &ndash; antes a reposi&ccedil;&atilde;o salarial era dada no m&ecirc;s de outubro. O percentual de 10,808% corresponde &agrave; infla&ccedil;&atilde;o acumulada de outubro de 2012 e abril de 2014.<br />
<br />
Para o governador Sandoval Cardoso, a decis&atilde;o do governo reflete o reconhecimento da atual gest&atilde;o com o servidor efetivo do Estado. &ldquo;<em>Precisamos, neste momento, de servidores motivados para seguirmos, com vontade, nossa miss&atilde;o que &eacute; fazer o melhor para esse Estado. Reconhe&ccedil;o a import&acirc;ncia do servidor, pois &eacute; ele que, na pr&aacute;tica, faz o Estado funcionar. O atendimento, as a&ccedil;&otilde;es p&uacute;blicas implementadas pelo Estado chegam para o cidad&atilde;o gra&ccedil;as ao esfor&ccedil;o e trabalho do servidor. E nada mais justo do que termos servidores motivados&rdquo;</em>, destacou o governador.<br />
<br />
Por m&ecirc;s, a data-base vai incidir um aumento na folha de pagamento de R$ 17 milh&otilde;es.<br />
<br />
<u><strong>Destaque</strong></u><br />
<br />
O governador Sandoval Cardoso voltou a destacar a import&acirc;ncia da profissionaliza&ccedil;&atilde;o da gest&atilde;o p&uacute;blica no Tocantins, que nos &uacute;ltimos quatro anos, vem promovendo diversos concursos. Com a nomea&ccedil;&atilde;o dos novos 517 servidores no certame da Pol&iacute;cia Civil, que est&aacute; em andamento, a atual gest&atilde;o do governo do Estado vai ter chamado 10.255 pessoas via concursos p&uacute;blicos para assumir fun&ccedil;&otilde;es de carreira na administra&ccedil;&atilde;o. Por ano, isso significa uma m&eacute;dia de 2.564 novos servidores efetivos nos quadros do Estado.<br />
<br />
&ldquo;Esses n&uacute;meros mostram o quanto a gest&atilde;o do governador Siqueira Campos se esfor&ccedil;ou para profissionalizar a m&aacute;quina. Hoje, mais de 72% dos funcion&aacute;rios do Estado s&atilde;o efetivos&rdquo;, destacou o governador.<br />
<br />
Juntos, os dois governos anteriores (2003-2010) nomearam 6.428 pessoas, o que representa uma m&eacute;dia anual de 804 servidores. Em n&uacute;meros absolutos, a atual gest&atilde;o, em menos de quatro anos, nomeou 3.827 pessoas a mais do que os oito anos de governos anteriores. Al&eacute;m disso, se for feita a compara&ccedil;&atilde;o das m&eacute;dias anuais, a atual administra&ccedil;&atilde;o aumentou em 219% o percentual de nomea&ccedil;&otilde;es de novos servidores efetivos.</span>

Comentários pelo Facebook: