Seet
Sobral – 300×100

PT define pré-candidaturas de Mourão ao Governo e Freitas ao Senado

admin -

<span style="font-size:14px;">O partido dos trabalhadores definiu no s&aacute;bado, 31, durante Encontro Estadual de estrat&eacute;gia e a t&aacute;tica para as elei&ccedil;&otilde;es de 2014, os pr&eacute;-candidatos do partido &agrave; chapa majorit&aacute;ria e reafirmou o compromisso de fortalecer a oposi&ccedil;&atilde;o ao governo. Os delegados referendaram o ex-prefeito de Porto Nacional Paulo Mour&atilde;o como pr&eacute;-candidato a governador e o petista Milne Freitas como pr&eacute;-candidato ao Senado.<br />
<br />
Para o PT o momento &eacute; de constru&ccedil;&atilde;o e di&aacute;logo entre as pr&eacute;-candidaturas do PMDB, do PV, do PROS e dos partidos aliados que comp&otilde;em a base da Presidenta Dilma Rousseff para enfrentar o grupo governista. <em>&ldquo;Vamos trabalhar para construir uma nova alternativa vi&aacute;vel ao povo tocantinense, preparada para fazer as mudan&ccedil;as que o Estado precisa, buscando formar com os partidos da oposi&ccedil;&atilde;o uma Nova For&ccedil;a Pol&iacute;tica de Oposi&ccedil;&atilde;o a esse modelo da atual gest&atilde;o&rdquo; </em>ressaltou o presidente estadual do PT J&uacute;lio C&eacute;sar Brasil.<br />
<br />
<u><strong>Pr&eacute;-candidatos</strong></u><br />
<br />
Durante o encontro o pr&eacute;-candidato a governador pelo PT, Paulo Mour&atilde;o, reafirmou a import&acirc;ncia de um governo com planejamento e gest&atilde;o, e ressaltou que para promover as mudan&ccedil;as que o Tocantins precisa, a oposi&ccedil;&atilde;o precisa estar unida. <em>&ldquo;Precisamos mudar a forma de governar esse Estado, construindo um novo modelo de gest&atilde;o, com pol&iacute;ticas p&uacute;blicas voltadas para a sociedade tocantinense. &Eacute; momento de mudar a forma de governar. O povo quer mudan&ccedil;a&rdquo; </em>disse Mour&atilde;o.<br />
<br />
A milit&acirc;ncia escolheu como pr&eacute;-candidato ao Senado o nome do petista hist&oacute;rico, Milne Freitas, em momento de forte entusiasmo durante o evento. <em>&ldquo;Estou aqui para representar o povo trabalhador desse Estado, os agricultores familiares, os professores, os jovens, as mulheres, os negros e negras, os ind&iacute;genas e todos que sonham e lutam pela constru&ccedil;&atilde;o de um Tocantins melhor&rdquo;</em> afirmou Freitas.<br />
<br />
<u><strong>Crise Institucional</strong></u><br />
<br />
O PT avalia que o modelo pol&iacute;tico implementado pelo grupo que atualmente comanda o Pal&aacute;cio Araguaia levou o Tocantins a uma crise institucional, motivada pelo interesse do grupo siqueirista de instaurar inseguran&ccedil;a pol&iacute;tico-jur&iacute;dica no Estado. Para o partido o atual governo utiliza de estrat&eacute;gia pol&iacute;tica obscura, baseada na coopta&ccedil;&atilde;o de lideran&ccedil;as, tentando se impor pelo poder econ&ocirc;mico, para esvaziar qualquer alternativa de organiza&ccedil;&atilde;o das oposi&ccedil;&otilde;es no Estado.</span><br />

Comentários pelo Facebook: