Ataídes critica alto déficit habitacional e lembra que Governo prometeu construir 70 mil moradias

admin -

<span style="font-size:14px;">Em uma reuni&atilde;o nesta segunda-feira, 21, com l&iacute;deres da Uni&atilde;o dos Movimentos de Moradia do Tocantins, o senador e candidato a governador, Ata&iacute;des Oliveira (PROS), lamentou o alto d&eacute;ficit habitacional existente no estado. Mesmo com o excelente programa do Governo Federal, Minha Casa Minha Vida, o Tocantins n&atilde;o soube evoluir nesse sentindo. O governo do Estado prometeu construir 70 mil casas populares e n&atilde;o entregou nenhuma, conforme lembrou Ata&iacute;des Oliveira.<br />
<br />
De acordo com o senador, nos &uacute;ltimos quatro anos o governo n&atilde;o deu aten&ccedil;&atilde;o s&eacute;ria quanto as moradias populares. <em>&ldquo;Acredito que o Minha Casa Minha Vida &eacute; um dos melhores programas do Governo Federal. Lamento muito, pois o Tocantins poderia ter tido um resultado bem melhor nesses &uacute;ltimos anos&rdquo;,</em> afirmou.<br />
<br />
Segundo o presidente da Uni&atilde;o de Movimentos de Moradia do Tocantins, Adelm&aacute;rio Alves dos Santos, o Tocantins possui um d&eacute;ficit de 93.000 moradias. <em>&ldquo;&Eacute; um dado que o pr&oacute;prio Estado divulgou no ano passado. Ent&atilde;o &eacute; de se assustar, porque n&atilde;o vemos uma casa popular sendo entregue e nem o governo se preocupar em resolver essa situa&ccedil;&atilde;o&rdquo;</em>, criticou o presidente, que pediu, ainda, apoio do senador Ata&iacute;des para lutar a favor de mais programas habitacionais para o Tocantins.<br />
<br />
Independente de proposta de campanha, Ata&iacute;des Oliveira se disp&ocirc;s a tomar frente da causa, tento em vista tamb&eacute;m a sua atua&ccedil;&atilde;o pol&iacute;tica no Senado Federal. <em>&ldquo;&Eacute; uma causa que eu tomo frente, apoio e vou lutar mais ainda por melhorias habitacionais para o nosso Estado&rdquo;</em>, afirmou.</span>

Comentários pelo Facebook: