Redução do preço da energia elétrica volta a ser promessa de campanha eleitoral no Tocantins

admin -

<span style="font-size:14px;">Em reuni&atilde;o com empres&aacute;rios, o candidato ao governo do Estado, senador Ata&iacute;des Oliveira (PROS), se comprometeu a fazer uma &ldquo;pol&iacute;tica fiscal s&eacute;ria&rdquo;, com redu&ccedil;&atilde;o de ICMS (Imposto sobre Circula&ccedil;&atilde;o de Mercadorias e Servi&ccedil;os) e da energia el&eacute;trica, como estrat&eacute;gias para alavancar a economia do Tocantins. O encontro ocorreu na manh&atilde; desta quarta-feira, 13, no audit&oacute;rio da C&acirc;mara de Dirigentes e Lojistas (CDL), em Palmas, e foi promovido pelo Conselho de Inova&ccedil;&atilde;o e Desenvolvimento Econ&ocirc;mico de Palmas (Cidep).<br />
<br />
De acordo com o candidato, a implementa&ccedil;&atilde;o de uma pol&iacute;tica fiscal s&eacute;ria permitir&aacute; a diminui&ccedil;&atilde;o dos impostos e ao mesmo tempo o aumento da arrecada&ccedil;&atilde;o. <em>&ldquo;Com a redu&ccedil;&atilde;o desse ICMS, e da conta de energia, o Estado vai arrecadar mais, porque ao diminuirmos os impostos de uma empresa, ela vai crescer e empregar mais pessoas, que v&atilde;o consumir mais e por consequ&ecirc;ncia aumentar a arrecada&ccedil;&atilde;o do Estado&rdquo;</em>, explicou Ata&iacute;des.<br />
<br />
Ao ser questionado sobre os problemas da s&aacute;ude, Ata&iacute;des Oliveira garantiu que em seu governo n&atilde;o haver&aacute; terceiriza&ccedil;&atilde;o das &aacute;reas priorit&aacute;rias: sa&uacute;de, educa&ccedil;&atilde;o e seguran&ccedil;a. <em>&ldquo;Nem passa pela minha cabe&ccedil;a terceirizar, porque eu quero estar dentro os hospitais, da pol&iacute;cia e das escolas. Eu estarei &agrave; frente dessas tr&ecirc;s &aacute;reas, com ajuda de gente especializada e competente&rdquo;</em>, assegurou.<br />
<br />
Quando questionado sobre as pol&iacute;ticas p&uacute;blicas para fomentar as micro e pequenas empresas, que atualmente n&atilde;o s&atilde;o beneficiadas pelas pol&iacute;ticas p&uacute;blicas, o candidato da Coliga&ccedil;&atilde;o Reage Tocantins destacou que mais de 95% das empresas do Estado s&atilde;o pequenas e por isso devem ser valorizadas.<br />
<br />
<em>&ldquo;S&atilde;o as empresas as grandes respons&aacute;veis pela distribui&ccedil;&atilde;o de renda e por isso vamos valorizar o microempres&aacute;rio, possibilitando o seu crescimento, com uma pol&iacute;tica fiscal s&eacute;ria, que incluir a redu&ccedil;&atilde;o de impostos&rdquo;</em>, destacou.<br />
<br />
Sobre a forma&ccedil;&atilde;o de sua equipe de governo, Ata&iacute;des Oliveira afirmou que seguir&aacute; crit&eacute;rios t&eacute;cnicos e de compet&ecirc;ncia para definir secret&aacute;rios e demais assessores. <em>&ldquo;Diferente dos nossos advers&aacute;rios, n&oacute;s estamos livre de favores pol&iacute;ticos, n&atilde;o temos amarras&rdquo;</em>, assegurou o candidato, acrescentando: &ldquo;nosso governo ter&aacute; compromisso com o povo, apenas&rdquo;.<br />
<br />
Acompanhado da candidata &agrave; vice-governadora, Cinthia Ribeiro (PTN), o candidato a governador Ata&iacute;des Oliveira assinou, ao final do encontro com os empres&aacute;rios, um termo de compromisso p&uacute;blico, no qual se comprometeu a reunir uma vez por m&ecirc;s com o Cidep.<br />
<br />
De acordo com o presidente da Cidep, Fabiano do Vale, a assinatura do termo &eacute; um passo importante, porque ao assinar o candidato se comprometeu a reunir mensalmente com o Conselho para discutir as necessidades e os anseios da classe empresarial.</span>

Comentários pelo Facebook: