Seet
Sobral – 300×100

Balé Popular participa do 4º Festival de Dança de Florianópolis

admin -

<span style="font-size:14px;">O Bal&eacute; Popular do Tocantins, formado por estudantes da capital, embarca nesta quinta-feira, 21, para Santa Catarina, onde representa o Estado no 4&ordm; Festival de Dan&ccedil;a de Florian&oacute;polis. O evento, realizado de 21 a 24 deste m&ecirc;s, re&uacute;ne grupos de todo o pais. Esta ser&aacute; a primeira competi&ccedil;&atilde;o dos bailarinos tocantinenses fora do estado.<br />
<br />
Ser&atilde;o quatro dias de festival e o Bal&eacute; Popular do Tocantins vai competir com duas coreografias do espet&aacute;culo &ldquo;Em Constru&ccedil;&atilde;o&rdquo;, dirigido pelos professores Jefferson Marques e M&aacute;rcia Sommer. Segundo M&aacute;rcia, desde a sele&ccedil;&atilde;o para o festival a rotina de ensaios tem sido pesada para que os alunos tocantinenses possam fazer uma boa apresenta&ccedil;&atilde;o. &ldquo;Como s&atilde;o grupos muito bons, s&oacute; de estarmos entre os melhores j&aacute; &eacute; uma vit&oacute;ria, porque grupos fortes, como S&atilde;o Paulo e Minas Gerais ficaram de fora. Agora nossa inten&ccedil;&atilde;o &eacute; representar bem o Estado&rdquo;, afirmou.<br />
<br />
Gabriella Silva est&aacute; entre os estudantes que v&atilde;o participar do festival e disse que vai mostrar tudo o que tem aprendido no Bal&eacute; Popular. <em>&ldquo;Estou na companhia desde o in&iacute;cio e estamos treinando muito, por longos per&iacute;odos, para fazer bonito em Florian&oacute;polis. O n&iacute;vel &eacute; muito alto, mas podemos mostrar o quanto o Tocantins tamb&eacute;m &eacute; bom</em>&rdquo;, frisou.<br />
<br />
Para a bailarina Juliana Logrado, a competi&ccedil;&atilde;o j&aacute; &eacute; uma grande conquista do Tocantins. <em>&ldquo;Torcemos muito para estar l&aacute;. Pretendemos dar o melhor de n&oacute;s e fazer com que as pessoas se emocionem com nossa arte. A coloca&ccedil;&atilde;o &eacute; s&oacute; uma consequ&ecirc;ncia&rdquo;</em>, disse.<br />
<br />
<u><strong>O Bal&eacute;</strong></u><br />
<br />
Criada em 2013, a companhia tem o objetivo de trabalhar a dan&ccedil;a como instrumento de socializa&ccedil;&atilde;o, al&eacute;m de oportunizar aos estudantes uma experi&ecirc;ncia corporal que possibilita novas formas de express&atilde;o e comunica&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
O grupo &eacute; formado por 60 estudantes de Palmas com idades entre 8 e 25 anos.&nbsp; Os ensaios s&atilde;o realizados no Col&eacute;gio da Pol&iacute;cia Militar, onde recebem forma&ccedil;&atilde;o em teoria da dan&ccedil;a, dan&ccedil;as folcl&oacute;ricas, jazz, bal&eacute; cl&aacute;ssico e dan&ccedil;as de sal&atilde;o.</span>

Comentários pelo Facebook: