Sandoval se recusa assinar compromisso com assistentes sociais para cumprimento das 30 horas semanais

admin -

<span style="font-size:14px;">Os assistentes sociais fizeram um ato p&uacute;blico na noite de ontem, (15), em frente ao Centro Educacional S&atilde;o Francisco de Assis, em Palmas, com o objetivo de sensibilizar os candidatos a governador do Estado do Tocantins para o cumprimento da jornada de 30h.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">No local aconteceu a 1&ordf; Sabatina das Centrais Sindicais entre os candidatos a governador do Estado do Tocantins. Os assistentes sociais abordaram os candidatos, que ouviram as reivindica&ccedil;&otilde;es da categoria e assinaram um termo de compromisso com a classe.<br />
<br />
Os candidatos Ata&iacute;des Oliveira (PROS), Eula Angelim (PSOL), Carlos Potengy (PCB) e Luiz Cl&aacute;udio (PRTB) assinaram o termo e dialogaram com os assistentes sociais. Marcelo Miranda (PMDB) n&atilde;o compareceu ao evento.<br />
<br />
J&aacute; o atual governador e candidato a reelei&ccedil;&atilde;o, Sandoval Cardoso (SD) n&atilde;o se disp&ocirc;s a conversar na entrada da Sabatina e n&atilde;o assinou o termo de compromisso.<br />
<br />
<em>&ldquo;Infelizmente o atual governo n&atilde;o foi receptivo com a causa. Queremos e vamos garantir o nosso direito &agrave;s 30h, que est&aacute; regulamentado por lei. O Estado vem descumprindo sorrateiramente e colocando os trabalhadores em uma situa&ccedil;&atilde;o de vexame como vimos na noite de ontem&rdquo;</em>, disse o presidente do Conselho Regional de Servi&ccedil;o Social do Tocantins (Cress TO), Jurimar Mendes Junior.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">A redu&ccedil;&atilde;o da jornada de trabalho para 30h semanais &eacute; garantida pela Lei de Regulamenta&ccedil;&atilde;o Profissional n&ordm; 8.662.</span><br />
<br />
<br />

Comentários pelo Facebook: