Seet
Sobral – 300×100

Aragão cobra explicações de Kátia Abreu sobre motorista do PMDB no escândalo do avião em Goiás

admin -

<span style="font-size:14px;">O candidato ao Senado, deputado estadual Sargento Arag&atilde;o (PROS), cobrou, na manh&atilde; desta ter&ccedil;a-feira, 23, explica&ccedil;&otilde;es da presidente do PMDB no Tocantins, senadora K&aacute;tia Abreu, sobre a participa&ccedil;&atilde;o de motorista e ve&iacute;culo a servi&ccedil;o do partido no esc&acirc;ndalo dos R$ 504 mil em esp&eacute;cie, com santinhos de candidatos peemedebistas, que foram apreendidos no avi&atilde;o em Piracanjuba (GO).<br />
<br />
O parlamentar cobrou ainda que seja apurado a origem do dinheiro. Arag&atilde;o disse que ainda n&atilde;o havia falado sobre o assunto por n&atilde;o ter nenhuma informa&ccedil;&atilde;o oficial, por&eacute;m afirmou que a senadora, como presidente da sigla, deveria ter se pronunciado.&nbsp;<br />
<br />
<em>&ldquo;As informa&ccedil;&otilde;es divulgadas pela imprensa s&atilde;o que o motorista e o ve&iacute;culo que levou o dinheiro at&eacute; a pista de pouso est&atilde;o a servi&ccedil;o do PMDB que &eacute; presidido pela senadora K&aacute;tia Abreu. E ela n&atilde;o vai se pronunciar? &Eacute; importante que a senadora fale at&eacute; mesmo para dizer o que aconteceu e se esse motorista e o carro s&atilde;o mesmo do PMDB&rdquo;</em>, questionou Arag&atilde;o.<br />
<br />
Arag&atilde;o ressaltou que se a senadora &eacute; presidente do partido, ela deve prestar informa&ccedil;&otilde;es ao povo tocantinense. <em>&ldquo;A senadora tem algo com esse esc&acirc;ndalo? Ela tem que informar a todos os motivos do motorista e o ve&iacute;culo do PMDB estarem envolvidos nisso, ou ela n&atilde;o responde pelo partido no Tocantins?&rdquo;</em>, falou Arag&atilde;o.<br />
<br />
O parlamentar apontou que &eacute; importante que o caso seja investigado e os fatos apurados. <em>&ldquo;Quem depositou o dinheiro na conta? Isso a Pol&iacute;cia tem que responder, pois se algu&eacute;m depositou, foi identificado. E quem foi? A popula&ccedil;&atilde;o tocantinense precisa saber&rdquo;</em>, finalizou Arag&atilde;o.</span>

Comentários pelo Facebook: