Sobral – 300×100
Seet

Piso salarial dos professores terá reajuste de 7,97% em 2013

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">O valor piso salarial nacional do magist&eacute;rio da educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica ter&aacute; reajuste de 7,97% em 2013. A informa&ccedil;&atilde;o foi divulgada hoje (10) pelo Minist&eacute;rio da Educa&ccedil;&atilde;o. Com o aumento, o valor passa de R$ 1.451 para R$ 1.567 e j&aacute; ser&aacute; pago, por estados e munic&iacute;pios em fevereiro. A composi&ccedil;&atilde;o do piso leva em conta o custo anual por estudante dos &uacute;ltimos dois anos, calculado pelo Fundo de Manuten&ccedil;&atilde;o e Desenvolvimento da Educa&ccedil;&atilde;o B&aacute;sica e de Valoriza&ccedil;&atilde;o dos Profissionais da Educa&ccedil;&atilde;o (Fundeb).<br />
<br />
O reajuste do piso em 2013 n&atilde;o segue a tend&ecirc;ncia de aumento dos &uacute;ltimos dois anos, quando foi registrado 22%, em 2012, e 18%, em 2011. Segundo o ministro da Educa&ccedil;&atilde;o, Aloizio Mercadante, o reajuste menor &eacute; por causa da desacelera&ccedil;&atilde;o da economia e da queda na arrecada&ccedil;&atilde;o de receitas. O Fundeb &eacute; um fundo cont&aacute;bil e composto por uma cesta de impostos e transfer&ecirc;ncias estaduais e municipais, e sua vig&ecirc;ncia se estende at&eacute; 2020. Por lei, pelo menos 60% dos recursos do Fundeb devem ser usados para pagamento do sal&aacute;rio dos professores e gestores educacionais.<br />
<br />
&ldquo;N&atilde;o tem o mesmo impacto que a corre&ccedil;&atilde;o do ano passado, mas &eacute; um reajuste acima da infla&ccedil;&atilde;o. O problema &eacute; que n&oacute;s partimos de um patamar muito baixo de sal&aacute;rio, R$ 1.567, &eacute; pouco mais que dois sal&aacute;rios m&iacute;nimos&rdquo;, disse o ministro.</span></div>

Comentários pelo Facebook: