Em Grurupi, debate político vira sabatina para Laurez com ausência de Carlesse

admin -

<span style="font-size: 14px; ">O debate pol&iacute;tico programado pela TV Anhanguera, afiliada da TV Globo, para a noite desta quinta-feira (4) acabou se transformando numa sabatina para o candidato a prefeito de Gurupi, Laurez Moreira (PSB), em fun&ccedil;&atilde;o da desist&ecirc;ncia do seu oponente, Mauro Carlesse.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">H&aacute; exemplo do ocorrido quando do debate marcado para a C&acirc;mara de Vereadores h&aacute; alguns dias, cerca de 30 minutos antes do in&iacute;cio da atividade Carlesse, por meio de sua assessoria, comunicou a aus&ecirc;ncia alegando outros compromissos. Em todas as oportunidades em que o candidato fugiu ao compromisso democr&aacute;tico havia aceitado previamente o compromisso.<br />
<br />
Na sabatina, que tamb&eacute;m foi transmitida pela R&aacute;dio Araguaia, Laurez praticamente falou sobre todos os t&oacute;picos de seu plano de governo, porque tamb&eacute;m respondeu as perguntas que seriam sorteadas para o seu concorrente.<br />
Laurez lamentou a mais uma aus&ecirc;ncia de seu oponente <em>&ldquo;porque isso s&oacute; demonstra o desrespeito que o candidato tem para com o povo de Gurupi, que n&atilde;o merece ser tratado desta maneira&rdquo;</em>. Como ressalta a ess&ecirc;ncia do espa&ccedil;o democr&aacute;tico, o debate &eacute; a oportunidade de o candidato explicitar pontos de seu programa de governo frente a frente com o eleitor.<br />
<br />
<strong><u>Industrializa&ccedil;&atilde;o</u></strong><br />
<br />
No tocante a industrializa&ccedil;&atilde;o Laurez esclareceu que se trata de uma quest&atilde;o a ser buscada ao longo de sua gest&atilde;o. Primeiro ser&aacute; feito o alicerce com a cria&ccedil;&atilde;o de uma cooperativa para fortalecer e organizar os pequenos produtores, principalmente na &aacute;rea de gr&atilde;os. Na sequ&ecirc;ncia haver&aacute; o incentivo a cria&ccedil;&atilde;o de pequenos animais e aves para ent&atilde;o se atrair empresas que possam processar toda essa oferta de mat&eacute;ria prima. Nas duas fases iniciais haver&aacute; a participa&ccedil;&atilde;o da Universidade Federal do Tocantins (UFT), por meio de seu curso de agronomia. &Agrave; institui&ccedil;&atilde;o de ensino, essa sinergia interessa em muito, pois significa espa&ccedil;o de aplicabilidade de conhecimento, oportunidade de pesquisa e qualifica&ccedil;&atilde;o profissional por meio de est&aacute;gio.<br />
<br />
Ainda neste quesito, Laurez lembrou ser preciso se aproveitar melhor a produ&ccedil;&atilde;o de couro da regi&atilde;o que, junto com o sul do Par&aacute;, &ldquo;&eacute; respons&aacute;vel por 10% da produ&ccedil;&atilde;o nacional&rdquo;. Assim, a instala&ccedil;&atilde;o de empresas cal&ccedil;adistas no Parque Industrial &eacute; outra op&ccedil;&atilde;o para a gera&ccedil;&atilde;o de emprego e renda na cidade.<br />
<br />
Atrelada &agrave; ind&uacute;stria est&aacute; a preocupa&ccedil;&atilde;o com a qualifica&ccedil;&atilde;o profissional. Essa quest&atilde;o ser&aacute; atendida por meio de conv&ecirc;nios firmados com organismos voltados para essa pr&aacute;tica, como o Servi&ccedil;o Social da Ind&uacute;stria (Sesi) o Servi&ccedil;o Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e outros.<br />
<br />
Laurez refor&ccedil;ou que outro atrativo para futuras empresas est&aacute; na incubadora de empresas de base tecnol&oacute;gica, &ldquo;<em>que a UFT instalou com recursos que consegui junto ao governo Federal&rdquo;</em>. Essa modalidade de ber&ccedil;&aacute;rio de empresas j&aacute; demonstrou efici&ecirc;ncia em outros estados e Laurez acredita que n&atilde;o ser&aacute; diferente no Tocantins, at&eacute; porque a incubadora da UFT &eacute; para empresas voltadas &agrave; biotecnologia &ldquo;e a riqueza e a biodiversidade do nosso estado est&aacute; entre as maiores do pa&iacute;s&rdquo;, ressaltou o candidato.<br />
<br />
Todavia, Laurez refor&ccedil;ou que o caminho para a retomada da industrializa&ccedil;&atilde;o passa pelo apoio ao pequeno empreendedor. Durante a campanha ele manteve encontro com representantes de entidades que congregam profissionais de v&aacute;rias &aacute;reas, como artesanato, confec&ccedil;&otilde;es etc. <em>&ldquo;O empreendedorismo tem um forte potencial de desenvolvimento, por isso ter&aacute; diversas formas de apoio durante todo meu mandato&rdquo;.</em><br />
<br />
<u><strong>Infraestrutura</strong></u><br />
<br />
Laurez disse ser inadmiss&iacute;vel que Gurupi ainda tenha tantas ruas sem asfalto, tantos setores sem saneamento b&aacute;sico, sem coleta de lixo, sem transporte e seguran&ccedil;a. <em>&ldquo;Al&eacute;m dos recursos que ainda posso assegurar no or&ccedil;amento da Uni&atilde;o para 2013 como deputado Federal e membro da Comiss&atilde;o de Or&ccedil;amento da C&acirc;mara dos Deputados, o nosso Plano Diretor de Governo ter&aacute; aloca&ccedil;&atilde;o de recursos por meio de outros &oacute;rg&atilde;os federais como o Minist&eacute;rio das Cidades, por exemplo&rdquo;</em>, destacou Laurez.<br />
<br />
O candidato ainda abordou a quest&atilde;o do Esporte e Laser, frisando que ser&atilde;o constru&iacute;dos alguns n&uacute;cleos esportivos na cidade e <em>&ldquo;estabelecido um calend&aacute;rio esportivo e outro de eventos culturais, para que a juventude tenha op&ccedil;&otilde;es diversas durante todo o ano&rdquo;</em>. Essa proposta est&aacute; atrelada a de incremento do turismo regional, cuja proposta &eacute; que Gurupi seja o local de concentra&ccedil;&atilde;o da atividade.<br />
<br />
A Educa&ccedil;&atilde;o, a Sa&uacute;de, e a habita&ccedil;&atilde;o tr&ecirc;s segmentos dos mais abandonados pelo atual prefeito, &ldquo;ser&atilde;o prioridade desde o primeiro m&ecirc;s de governo&rdquo;. Laurez disse que os profissionais das duas primeiras &aacute;reas ser&atilde;o respeitados e valorizados porque merecem respeito e considera&ccedil;&atilde;o pelos servi&ccedil;os que prestam &agrave; popula&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
Laurez ainda falou sobre a devolu&ccedil;&atilde;o &agrave; Unirg de sua autonomia, garantindo que ela ser&aacute; recuperada o mais r&aacute;pido poss&iacute;vel tendo condi&ccedil;&otilde;es de estar oferecendo 20 cursos at&eacute; o final de sua gest&atilde;o. <em>&ldquo;A Unirg &eacute; uma joia que Gurupi tem e ela n&atilde;o ser&aacute; dilapidada&rdquo;</em>, garante Laurez.<br />
<br />
O candidato ainda abordou as solu&ccedil;&otilde;es e a&ccedil;&otilde;es que ser&atilde;o implementadas para o tr&acirc;nsito, incluindo a sinaliza&ccedil;&atilde;o e seu reordenamento; para a quest&atilde;o do lixo e para a reurbaniza&ccedil;&atilde;o da cidade, que visar&aacute; prioritariamente modernizar e ajustar a atividade comercial.<br />
<br />
Laurez falou ainda sobre ficha limpa frisando ter sido um dos parlamentares &ldquo;que votou pela sua aprova&ccedil;&atilde;o&rdquo;. Ele acha que a Lei da Ficha Limpa precisar ser aperfei&ccedil;oada porque <em>&ldquo;ainda deixa brechas para que pessoas envolvidas em atividades criminosas e respondendo a processos na Justi&ccedil;a consigam se candidatar&rdquo;</em>. <em>(Assessoria de Comunica&ccedil;&atilde;o)</em></span>

Comentários pelo Facebook: