Sobral – 300×100
Seet

Centro Cultural de Gurupi sofre com o descaso

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size: 14px;">Ap&oacute;s fazer um levantamento detalhado de como se encontram as&nbsp; instala&ccedil;&otilde;es do Centro Cultural Mauro Cunha, localizado na Avenida Maranh&atilde;o, no centro de Gurupi, a secret&aacute;ria de Cultura, Zenaide Dias da Costa disse que ficou estarrecida quando constatou a situa&ccedil;&atilde;o de abandono em que aquele local se encontrava.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Em tempo de chuvas, o local sofre com as goteiras por toda a parte.&nbsp; Nem o gabinete da gestora da Pasta escapou dos in&uacute;meros problemas ali existentes devido a falta de manuten&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
De acordo com Zenaide, muitos equipamentos e m&oacute;veis do Centro Cultural est&atilde;o quebrados ou se encontram sucateados.&nbsp; A maioria sequer tem condi&ccedil;&otilde;es de reparos. O sistema de climatiza&ccedil;&atilde;o do sal&atilde;o principal n&atilde;o funciona direito. As instala&ccedil;&otilde;es el&eacute;tricas est&atilde;o prec&aacute;rias e as portas de algumas salas e dos dois banheiros precisam ser consertadas e colocadas fechaduras novas. A maioria dos ventiladores apresenta defeito.<br />
<br />
Na lateral do Centro Cultural que fica na Rua 02, parte do muro onde existe um jardim despencou e como n&atilde;o foi providenciado o conserto,&nbsp; pode facilitar a entrada de v&acirc;ndalos naquele local.<br />
<br />
<u><strong>BIBLIOTECA</strong></u><br />
<br />
Na entrada principal da Biblioteca P&uacute;blica Municipal Professora Deusina Martins Ribeiro,&nbsp; que funciona anexo ao Centro Cultural, a&nbsp; fechadura da porta&nbsp; quebrou e a solu&ccedil;&atilde;o que encontraram para resolver o problema foi&nbsp; colocar um peda&ccedil;o de pau para&nbsp; trancar a porta. Os dois banheiros da biblioteca tamb&eacute;m est&atilde;o quebrados, sendo que um est&aacute; com um buraco no teto. Apesar de terem sido instalados aparelhos, n&atilde;o existe climatiza&ccedil;&atilde;o na biblioteca, o que tem gerado muita reclama&ccedil;&atilde;o por parte dos usu&aacute;rios, principalmente, no per&iacute;odo da tarde, quando aumenta a sensa&ccedil;&atilde;o de calor naquele local. O acervo de livros est&aacute; defasado e numa parta da biblioteca o que se v&ecirc; &eacute; um dep&oacute;sito de livros que se amontoam pelo ch&atilde;o.<br />
<br />
<u><strong>HIST&Oacute;RICO</strong></u><br />
<br />
Inaugurado em 14 de novembro de 1998, na gest&atilde;o do ent&atilde;o prefeito Tadeu Gon&ccedil;alves, o Centro Cultural Mauro Cunha at&eacute; hoje n&atilde;o foi totalmente conclu&iacute;do. Falta ainda construir o Teatro Municipal que teria capacidade para 300 pessoas. O local que era para ser o teatro funciona como um grande dep&oacute;sito de m&oacute;veis quebrados, sucatas e outras tantas quinquilharias de v&aacute;rias secretarias. Ali tamb&eacute;m est&atilde;o amontoadas v&aacute;rias cadeiras e mesas, adquiridas pela prefeitura, no ano passado,&nbsp;&nbsp; com recursos do Governo Federal e que eram para equipar a&nbsp; creche do munic&iacute;pio no Setor Jardins dos Buritis. No entanto, a poeira toma conta desses m&oacute;veis. (Secom)</span></div>

Comentários pelo Facebook: