Sobral – 300×100
Seet

Construtoras incorporam espírito de generosidade e doam 42% dos recursos de campanha

admin -

<span style="font-size:14px;">Esp&iacute;rito de generosidade. Talvez esse foi o sentimento que motivou as construtoras a injetarem milh&otilde;es para as campanhas eleitorais no Tocantins. Os&nbsp;tr&ecirc;s principais candidatos ao governo do Estado,&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">Marcelo Miranda ( PMDB),&nbsp; Sandoval Cardoso ( SD) e Ata&iacute;des Oliveira (PROS),</span><span style="font-size:14px;">&nbsp;receberam 42% das doa&ccedil;&otilde;es&nbsp;de construtoras.&nbsp;<br />
<br />
As informa&ccedil;&otilde;es s&atilde;o&nbsp; do Sistema de Presta&ccedil;&atilde;o de Contas Eleitorais 2014, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que aponta ainda que tais empresas campe&atilde;s em doa&ccedil;&otilde;es s&atilde;o do ramo da constru&ccedil;&atilde;o civil, um dos principais setores de sustenta&ccedil;&atilde;o da economia do Estado.<br />
<br />
N&atilde;o h&aacute; nada de ilegal nas doa&ccedil;&otilde;es, mas o fato pode gerar uma certa desconfian&ccedil;a nesse gesto &quot;generoso&quot; das empresas. Um dos fatores que podem suscitar estranheza &eacute; a poss&iacute;vel cobran&ccedil;a que vir&aacute; depois. No caso das construtoras,&nbsp; a m&atilde;o que d&aacute; &eacute; a mesma que vai buscar as quantias repassadas aos candidatos, por meio de contratos milion&aacute;rios com o poder p&uacute;blico.<br />
<br />
Segundo TSE,&nbsp; o comit&ecirc; que mais recebeu doa&ccedil;&atilde;o de pessoa jur&iacute;dica foi o do Solidariedade. De R$ 13.105.982,18 arrecadados pelo partido, 98,6% foram fornecidos por empresas. Deste total, R$ 4.357.976,00 vieram de construtoras, o que representa R$ 33% do valor. A Jofege Pavimenta&ccedil;&atilde;o e Constru&ccedil;&atilde;o Ltda &eacute; a que fez a doa&ccedil;&atilde;o mais generosa, de R$ 1 milh&atilde;o. J&aacute; a Trail Infraestrutura Ltda e a J. L. Construtora e Incorporadora Ltda. ME doaram, respectivamente, R$ 900 mil e R$ 750 mil.<br />
<br />
Ainda, dentre os doadores da campanha de Sandoval Cardoso, est&atilde;o as empresas Teodoro e Teodoro (Atacado Meio a Meio), com R$ 1.915.850,00, Alvicto Ozores Nogueira e Cia Ltda. (KK M&aacute;quinas e Log&iacute;stica), que doou R$ 1.845.00,00, e&nbsp; J. L. Com&eacute;rcio e Equipamentos Ltda., com doa&ccedil;&atilde;o de R$ 1.750.000,00.<br />
<br />
O&nbsp; comit&ecirc; de Marcelo Miranda recebeu um total de R$ 7.383.348,05 em doa&ccedil;&otilde;es, dos quais R$ 6.676.791,25 s&atilde;o de pessoa jur&iacute;dica. Deste montante, 33% foram doados por construtoras, o que totaliza R$ 2.248.000,00. A Construtora OAS S/A lidera o ranking de doa&ccedil;&otilde;es, com R$ 1 milh&atilde;o, junto ao Bradesco Capitaliza&ccedil;&atilde;o S/A. Outras duas construtoras entram na lista com R$ 500 mil em doa&ccedil;&otilde;es cada uma, Empresa Sul Americana de Montagens (EMSA) S/A, e da Construtora Marquise S/A, que doaram a mesma quantia que a CRBS Ltda.<br />
<br />
J&aacute; o comit&ecirc; do PROS recebeu doa&ccedil;&otilde;es menos generosas. Dos R$ 194.633,33,&nbsp; 21,3% foram doados por empresas, totalizando R$ 41.500,00. Destes, 50,6% s&atilde;o da empresa Araguaia Construtora, Incorporadora e Com&eacute;rcio de Im&oacute;veis, que doou R$ 21.500,00, seguida da Araguaia Comercial de Motos de Urua&ccedil;u Ltda., com R$ 20 mil.<br />
<br />
<u><strong>Irregularidade</strong></u><br />
<br />
Conforme os relat&oacute;rios do TSE, as despesas dos comit&ecirc;s de Sandoval Cardoso e Marcelo Miranda ultrapassaram os valores arrecadados.&nbsp; Segundo o procurador eleitoral no Tocantins, &Aacute;lvaro Manzano, os gastos superiores &agrave;s receitas configuram uma irregularidade, mas que podem ser sanadas. <em>&ldquo;&Eacute; uma irregularidade, mas o TSE oferece uma sa&iacute;da que &eacute; o partido assumir essa d&iacute;vida, caso haja anu&ecirc;ncia dos credores&rdquo;</em>, disse</span>

Comentários pelo Facebook: