Seet
Sobral – 300×100

Marcelo Miranda diz que prerrogativa de indicar secretariado é "exclusivamente" sua

admin -

<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
O governador eleito Marcelo Miranda (PMDB) colocou um ponto final nas especula&ccedil;&otilde;es sobre a composi&ccedil;&atilde;o de seu novo governo. Alguns partidos que foram seus aliados na campanha eleitoral de 2014 j&aacute; estavam inclusive citando as pastas que seriam comandadas por seus militantes.<br />
<br />
Mas, por meio de nota &agrave; imprensa nesta quarta-feira (19), Marcelo foi enf&aacute;tico ao afirmar que &ldquo;nenhum pol&iacute;tico ou agremia&ccedil;&atilde;o pol&iacute;tica partid&aacute;ria que tenha apoiado sua candidatura possui algum tipo de cota pr&eacute;-definida na composi&ccedil;&atilde;o do futuro secretariado&rdquo;.<br />
<br />
Os partidos que, junto com o PMDB, compuseram a alian&ccedil;a que elegeu Miranda foram o PT, o PV e o PSD. Embora n&atilde;o tenha citado nenhum dos tr&ecirc;s, o recado soou claro para o PT. No &uacute;ltimo dia 7, a c&uacute;pula petista se reuniu em Palmas para discutir o espa&ccedil;o que o partido vai solicitar no novo governo de Marcelo Miranda.<br />
<br />
O governador eleito n&atilde;o deixou margem para especula&ccedil;&otilde;es dos partidos ao salientar que &eacute; &ldquo;&uacute;nica e exclusivamente&rdquo; sua a prerrogativa de indicar qualquer nome.<br />
<br />
<em>&ldquo;Marcelo Miranda salienta que a prerrogativa de convidar e anunciar qualquer nome que venha compor seu corpo de auxiliares para a administra&ccedil;&atilde;o que se inicia em 01&ordm; de janeiro de 2015 &eacute; &uacute;nica e exclusivamente dele</em>&rdquo;, diz a nota.<br />
<br />
Entidades classistas como a Associa&ccedil;&atilde;o Comercial e Industrial de Aragua&iacute;na (Aciara) e o Conselho Regional de Medicina (CRM) est&atilde;o se articulando para indicar nomes nas suas &aacute;reas no novo governo.</span>

Comentários pelo Facebook: