Sobral – 300×100
Seet

Vigilantes da Câmara Municipal de Araguaína passam a receber piso salarial a partir de janeiro

admin -

<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
Os vigilantes da C&acirc;mara Municipal de Aragua&iacute;na (TO) v&atilde;o receber a partir de 1&ordm; de janeiro de 2015 reajuste nos sal&aacute;rios. Os novos valores v&atilde;o ser pagos obedecendo o piso da categoria no Estado, que hoje &eacute; de R$ 1.051,51.<br />
<br />
A Resolu&ccedil;&atilde;o n&ordm; 323, que trata da equipara&ccedil;&atilde;o salarial dos os vigilantes da C&acirc;mara, foi publicada no Di&aacute;rio Oficial do Munic&iacute;pio de 25 de novembro. O reajuste, de acordo com a Resolu&ccedil;&atilde;o, &eacute; para atender ao valor pago pelo Sindicato dos Vigilantes do Estado do Tocantins, Sintvisto, estabelecido na conven&ccedil;&atilde;o coletiva de trabalho 2013/2014.<br />
<br />
A partir de agora, todos os servidores efetivos da C&acirc;mara Municipal que trabalham como vigilantes v&atilde;o ter direito ao benef&iacute;cio salarial. Os que est&atilde;o ocupando outros cargos em comiss&atilde;o, quando do retorno ao seu cargo efetivo, ganhar&atilde;o tamb&eacute;m o referido reajuste.<br />
<br />
Para o presidente da C&acirc;mara, vereador Marcus Marcelo, o pagamento do piso salarial representa um avan&ccedil;o para os vigilantes, al&eacute;m da valoriza&ccedil;&atilde;o da categoria, que h&aacute; muito tempo reivindicava a equipara&ccedil;&atilde;o ao que j&aacute; &eacute; pago a categoria no Estado.&nbsp;</span><span style="font-size:14px;">&quot;<em>A C&acirc;mara Municipal&nbsp; atendeu no final deste ano uma demanda antiga do vigilantes desta Casa, equiparar os vencimentos destes ao piso estadual da categoria, passando de 830,00 reais para 1.051,51.&nbsp;Um reconhecimento pelos ex&iacute;mios servi&ccedil;os prestados por estes profissionais&quot;, </em>destacou Marcus Marcelo</span>

Comentários pelo Facebook: