Seet
Sobral – 300×100

Clínica de Olhos Yano: Exame oftalmológico pode detectar vírus HIV

admin -

<span style="font-size:14px;">Se o olho &eacute; a janela da alma, pode-se dizer que o fundo do olho &eacute; o espelho do organismo. Por meio de um exame detalhado da retina, um oftalmologista &eacute; capaz de identificar diversas patologias do corpo humano, inclusive a AIDS.&nbsp;&nbsp; Al&eacute;m dos m&eacute;todos convencionais que realizam o diagn&oacute;stico da doen&ccedil;a, problemas nos olhos podem indicar a presen&ccedil;a do v&iacute;rus HIV.<br />
<br />
Em mem&oacute;ria do Dia Mundial de Luta contra a AIDS, celebrado no dia 1&ordm; de dezembro, a Cl&iacute;nica de Olhos Yano alerta para os cuidados que o soropositivo deve ter com a vis&atilde;o, especialmente quando sofre com les&otilde;es oculares conhecidas como uve&iacute;tes, que afetam tanto portadores do HIV como de outras doen&ccedil;as autoimunes.<br />
<br />
<em>&ldquo;&Eacute; poss&iacute;vel que o paciente que busca tratamento oftalmol&oacute;gico para uve&iacute;te seja surpreendido com o diagn&oacute;stico do v&iacute;rus HIV. Como o organismo fica imunodeprimido, os olhos ficam mais suscet&iacute;veis a les&otilde;es</em>&rdquo;, explica a oftalmologista da Cl&iacute;nica de Olhos Yano, Dra. Susan Yano Mocelin.<br />
<br />
A uve&iacute;te &eacute; um termo gen&eacute;rico para a inflama&ccedil;&atilde;o de um ou todos os segmentos da &uacute;vea, que &eacute; composta pela &iacute;ris (parte mais vis&iacute;vel e colorida do olho), corpo ciliar (estrutura vascular do olho que produz o l&iacute;quido transparente no globo ocular) e cor&oacute;ide (camada de vasos sangu&iacute;neos e tecido conjuntivo entre a esclera, parte branca do olho, e a retina).<br />
<br />
A oftalmologista explica que as uve&iacute;tes normalmente s&atilde;o acompanhadas de dor, vermelhid&atilde;o, fotofobia e baixa visual. Por isso &eacute; necess&aacute;rio identificar qual a causa da inflama&ccedil;&atilde;o para que o tratamento seja eficaz. <em>&ldquo;Um organismo debilitado &eacute; mais suscet&iacute;vel a infec&ccedil;&otilde;es oculares, por isso &eacute; necess&aacute;rio muita aten&ccedil;&atilde;o para evitar uma futura perda de vis&atilde;o. Se o paciente for mesmo portador do HIV &eacute; muito importante prevenir essas sequelas&quot;,</em> finaliza Dra. Susan.</span>

Comentários pelo Facebook: