Seet
Sobral – 300×100

Terraplanagem da Via Lago está quase concluída; obra custará R$ 16 milhões e ainda terá ciclovia

admin -

<span style="font-size:14px;">A constru&ccedil;&atilde;o da Via Lago segue em ritmo acelerado. A terraplanagem j&aacute; est&aacute; 80% conclu&iacute;da. De acordo com o engenheiro respons&aacute;vel por essa parte do projeto, S&eacute;rgio Tom&eacute; Bernardes, foram usadas cerca de 330 mil toneladas de material para o aterramento.&nbsp; A previs&atilde;o para finalizar a primeira de tr&ecirc;s etapas &eacute; at&eacute; o fim de dezembro e est&atilde;o sendo investidos R$ 5 milh&otilde;es, com recursos do Munic&iacute;pio.<br />
<br />
Bernardes explica que os servi&ccedil;os de terraplanagem est&atilde;o sendo feitos em camadas, at&eacute; ficar acima do n&iacute;vel do Lago. Desde o in&iacute;cio das obras, em outubro, apenas nos dias que chove &eacute; que os servi&ccedil;os paralisam, pois &eacute; preciso secar o terreno para continuar o processo de compacta&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
S&atilde;o 55 caminh&otilde;es trabalhando no transporte do material e 75 pessoas empregadas diretamente nessa fase da obra.<br />
<br />
<strong><u>Via Lago</u></strong><br />
<br />
<img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/Via%20Lago%20aterro%20vista%20a%E9rea.JPG" style="width: 600px; height: 338px;" /><br />
A Via Lago beneficiar&aacute; a popula&ccedil;&atilde;o araguainense, disponibilizando uma &aacute;rea de lazer, esportes e mobilidade urbana na regi&atilde;o sul da cidade. A obra ter&aacute; 1,56 km de extens&atilde;o, come&ccedil;ando no fim da Marginal Neblina (no cruzamento com a Avenida Filad&eacute;lfia) seguindo at&eacute; os setores Lago Azul, Cidade Nova e Nova Morada, com duas pistas duplas, ciclovia e cal&ccedil;amento para pedestres. No final da avenida, ser&aacute; constru&iacute;da uma ponte estaiada, que vai interligar o centro de Aragua&iacute;na ao aeroporto e &agrave; BR-153.<br />
<br />
Dentro do projeto, tamb&eacute;m est&aacute; previsto uma ilha pr&oacute;xima &agrave; Via Lago, onde ser&aacute; constru&iacute;do um restaurante e o acesso ser&aacute; por meio de barcos, com decks de embarque e desembarque.<br />
<br />
O Governo Federal disponibilizar&aacute; recursos para as duas etapas subsequentes da obra, onde ser&atilde;o investidos R$ 11,8 milh&otilde;es. Os recursos complementares do Tesouro Nacional s&atilde;o provenientes de emendas do deputado federal C&eacute;sar Halum e do senador Jo&atilde;o Ribeiro (in memoriam).<br />
<br />
Ao final, a obra ter&aacute; investimentos de cerca de R$ 16 milh&otilde;es.</span>

Comentários pelo Facebook: