Sobral – 300×100
Seet

Governo caminha para parceria com Exército na recuperação de rodovias

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;">O Governo do Estado, atrav&eacute;s da Seinf &ndash; Secretaria de Infraestrutura est&aacute; em fase de conclus&atilde;o de estudos de viabilidade t&eacute;cnica para,&nbsp;dentro de 10 dias, ser apresentado ao Ex&eacute;rcito Brasileiro. A iniciativa, de acordo com o secret&aacute;rio Alexandre Ubaldo, ir&aacute; em conjunto com o servi&ccedil;o que o Estado executa periodicamente, garantir a recupera&ccedil;&atilde;o de 1.600 km da malha rodovi&aacute;ria, incluindo pontos considerados cr&iacute;ticos.<br />
<br />
As conversa&ccedil;&otilde;es do Governo Estadual com o Ex&eacute;rcito, por meio do Departamento de Engenharia e Obras, tiveram in&iacute;cio ainda no decorrer&nbsp;de 2012, e agora podem avan&ccedil;ar para a concretiza&ccedil;&atilde;o do conv&ecirc;nio. A prov&aacute;vel parceria atende os servi&ccedil;os de recupera&ccedil;&atilde;o e manuten&ccedil;&atilde;o por per&iacute;odo de quatro anos, informa Ubaldo. O Governador Siqueira Campos se mostra otimista e anuncia que os esfor&ccedil;os do Executivo foram respons&aacute;veis pela viabiliza&ccedil;&atilde;o de R$ 168 milh&otilde;es, importantes para ajudar na execu&ccedil;&atilde;o dos conv&ecirc;nios.<br />
<br />
Como parte das prioridades das obras, na eventual parceria com o Ex&eacute;rcito, juntamente com o Dertins &ndash; Departamento de Tr&acirc;nsito do&nbsp;Tocantins, est&aacute; a recupera&ccedil;&atilde;o e revitaliza&ccedil;&atilde;o da TO-110, que liga Dian&oacute;polis a Novo Alegre, uma via que responde por significativa parcela do tr&acirc;nsito nos munic&iacute;pios tocantinenses na fronteira com a Bahia. A malha rodovi&aacute;ria do Estado est&aacute; a cargo das ger&ecirc;ncias das sete Resid&ecirc;ncias existentes no Estado, com sede em Dian&oacute;polis, Gurupi, Porto Nacional, Para&iacute;so, Guara&iacute;, Aragua&iacute;na e Tocantin&oacute;polis. (Ascom)</span></div>

Comentários pelo Facebook: