Seet
Sobral – 300×100

Marcelo governará com programas: Tolerância Zero; SOS Saúde; Polícia e Governo Mais Perto de Você

admin -

<span style="font-size:14px;">Ap&oacute;s tomar posse na Assembleia Legislativa, o governador&nbsp; Marcelo Miranda (PMDB), seguiu para o Pal&aacute;cio Araguaia onde recebeu a faixa governamental das m&atilde;os do at&eacute; ent&atilde;o governador Sandoval Cardoso (SD). No Pal&aacute;cio, Marcelo foi recepcionado por milhares de pessoas, a quem se dirigiu destacando medidas pr&aacute;ticas que ser&atilde;o adotadas em benef&iacute;cio da popula&ccedil;&atilde;o tocantinense.<br />
<br />
Ap&oacute;s receber a faixa, Marcelo fez um aclamado discurso em que destacou que o seu governo ser&aacute; um governo do povo, com trabalho que vai promover as grandes mudan&ccedil;as e transforma&ccedil;&otilde;es que o Tocantins e o povo precisam.<br />
<br />
<em>&ldquo;O Tocantins precisa recuperar o tempo perdido. Vamos investir na industrializa&ccedil;&atilde;o, no agroneg&oacute;cio, na agroind&uacute;stria, na pecu&aacute;ria e na infraestrutura. Vamos gerar mais empregos, mais renda, mais oportunidades e melhores condi&ccedil;&otilde;es de vida para todos. Com os nossos representantes no Congresso Nacional, nossos Deputados Estaduais e, sobretudo, com o apoio garantido da Presidenta Dilma, vamos, de novo, colocar o Tocantins nos trilhos do desenvolvimento&rdquo;</em>, destacou.<br />
<br />
Marcelo Miranda destacou ainda algumas importantes medidas que ser&atilde;o adotadas no Estado para garantir as mudan&ccedil;as previstas em sua gest&atilde;o. <em>&ldquo;Vamos implantar o S.O.S. sa&uacute;de e, de forma planejada, implantar o programa A sa&uacute;de mais perto de voc&ecirc;. Vamos investir mais na educa&ccedil;&atilde;o para preparar nossas crian&ccedil;as e nossos jovens para um novo tempo no Tocantins e garantir um melhor futuro para todos&rdquo;,</em> ressaltou.<br />
<br />
O governador Marcelo Miranda tamb&eacute;m falou sobre programas que j&aacute; foram executados em seus mandatos anteriores, de 2002 a 2009, que voltar&atilde;o ser a&ccedil;&otilde;es do Estado. <em>&ldquo;Vamos executar, de novo, o maior programa habitacional do Tocantins e garantir casas populares para quem precisa. Vamos acabar com essa onda de viol&ecirc;ncia atrav&eacute;s dos programas &lsquo;Toler&acirc;ncia Zero&rsquo; e a &lsquo;Pol&iacute;cia mais perto de voc&ecirc;&rsquo;. Vamos restabelecer o grande programa &lsquo;O governo mais perto de voc&ecirc;&rsquo;, agora muito mais aperfei&ccedil;oado e moderno&rdquo;</em>, frisou.<br />
<br />
Em sua entrevista o governador destacou quais ser&atilde;o suas primeiras medidas de governo. <em>&ldquo;Amanh&atilde; ser&aacute; dada posse para os auxiliares e o comit&ecirc; vai se reunir, j&aacute; que se detectou muita coisa e na segunda-feira tomar as medidas emergenciais que precisam ser tomadas. A sa&uacute;de ser&aacute; uma das primeiras prioridades, e amanh&atilde; os hospitais j&aacute; estar&atilde;o com outra fisionomia&rdquo;</em>, ressaltou.<br />
<br />
<strong><u>Trajet&oacute;ria</u></strong></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Miranda governou o Tocantins de 2002 a 2009, quando foi cassado por abuso de poder econ&ocirc;mico e pol&iacute;tico na elei&ccedil;&atilde;o de 2006, acusado de distribuir a eleitores brindes, casas, &oacute;culos, cestas b&aacute;sicas e consultas m&eacute;dicas por meio do programa &quot;Governo Mais Perto de Voc&ecirc;&quot;, sem autoriza&ccedil;&atilde;o legislativa e sem previs&atilde;o or&ccedil;ament&aacute;ria.<br />
<br />
O novo governador n&atilde;o citou o epis&oacute;dio no discurso, mas fez uma refer&ecirc;ncia a Nelson Mandela ao dizer que aprendeu com o l&iacute;der da &Aacute;frica do Sul &ldquo;a import&acirc;ncia do perd&atilde;o e de sempre manter viva a chama da esperan&ccedil;a e do amor, mesmo nos momentos de injusti&ccedil;a&rdquo;.<br />
<br />
Eleito no primeiro turno com 360.640 votos &ndash; 51,3% dos votos v&aacute;lidos &ndash;, Miranda tem como vice-governadora a empres&aacute;ria Cl&aacute;udia Lelis, que entrou na chapa para substituir o marido, Marcelo Lelis, ap&oacute;s impugna&ccedil;&atilde;o da candidatura dele pelo Tribunal Superior Eleitoral.<br />
<br />
Natural de Goi&acirc;nia, com 53 anos, Miranda foi deputado estadual por tr&ecirc;s vezes e presidiu o legislativo estadual por duas ocasi&otilde;es. Ao come&ccedil;ar seu terceiro mandato como governador do Tocantins, ele se disse mais preparado para a fun&ccedil;&atilde;o.</span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">No Pal&aacute;cio Araguaia, ap&oacute;s se dirigir aos presentes, Marcelo Miranda acompanhado pela popula&ccedil;&atilde;o subiu at&eacute; o gabinete. Em seguida se despediu da popula&ccedil;&atilde;o e seguiu para Bras&iacute;lia, onde acompanhou o evento que reconduziu Dilma Rousseff &agrave; Presid&ecirc;ncia da Rep&uacute;blica, na Esplanada dos Minist&eacute;rios.<br />
<img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/Foto%20Marcio%20Vieira%20(1).JPG" style="width: 600px; height: 360px;" /></span><br />
<br />

Comentários pelo Facebook: