Seet
Sobral – 300×100

Mais de 4 mil beneficiários ainda não atualizaram cadastro do Bolsa Família no Tocantins

admin -

<span style="font-size:14px;">O prazo para os benefici&aacute;rios do Bolsa Fam&iacute;lia atualizarem seus dados no Cadastro &Uacute;nico para Programas Sociais do governo federal termina nesta sexta-feira, 16, e no Tocantins 4.167 fam&iacute;lias ainda n&atilde;o renovaram as informa&ccedil;&otilde;es junto aos seus munic&iacute;pios, segundo a Secretaria de Estado da Assist&ecirc;ncia Social.<br />
<br />
Atualmente, segundo informa&ccedil;&otilde;es da pasta, o Tocantins possui 290.466 fam&iacute;lias inseridas no Cadastro &Uacute;nico, nos 139 munic&iacute;pios. Destas, 139.854 s&atilde;o benefici&aacute;rias do Programa Bolsa Fam&iacute;lia e 124.846 fam&iacute;lias t&ecirc;m renda per capita mensal de at&eacute; R$ 77.<br />
<br />
A atualiza&ccedil;&atilde;o cadastral deve ser feita no munic&iacute;pio onde reside o benefici&aacute;rio, nos Centros de Refer&ecirc;ncia da Assist&ecirc;ncia Social (Cras). Nesta etapa, a revis&atilde;o cadastral &eacute; apenas para aquelas pessoas que n&atilde;o atualizaram as informa&ccedil;&otilde;es nos &uacute;ltimos dois anos e que foram avisadas por meio do extrato de recebimento do benef&iacute;cio.<br />
<br />
Para que as fam&iacute;lias n&atilde;o percam o prazo de atualiza&ccedil;&atilde;o cadastral e deixem de receber o benef&iacute;cio, o Estado vem orientando os munic&iacute;pios tocantinenses para a mobiliza&ccedil;&atilde;o da comunidade. <em>&ldquo;Refor&ccedil;amos a import&acirc;ncia da atualiza&ccedil;&atilde;o dos dados junto ao Cadastro &Uacute;nico como forma de manter uma base de dados reais do Programa, como endere&ccedil;o, renda, composi&ccedil;&atilde;o familiar ou na localiza&ccedil;&atilde;o da escola dos filhos para acompanhamento da frequ&ecirc;ncia escolar, e se ainda atendem aos crit&eacute;rios exigidos&rdquo;</em>, pontuou a t&eacute;cnica do Cadastro &Uacute;nico e do Bolsa Fam&iacute;lia da Secretaria da Assist&ecirc;ncia Social, Euvanilde da Silva Brito Alves.<br />
<br />
A t&eacute;cnica fez ainda um alerta quanto ao bloqueio autom&aacute;tico do repasse do benef&iacute;cio pelo Minist&eacute;rio do Desenvolvimento Social e Combate &agrave; Fome ap&oacute;s o dia 16, para quem n&atilde;o atualizar o cadastro, ressaltando que o prazo para atualiza&ccedil;&atilde;o foi aberto ainda em maio de 2014. Em caso de bloqueio, as fam&iacute;lias que n&atilde;o fizerem a revis&atilde;o cadastral poder&atilde;o faz&ecirc;-la at&eacute; dia 20 de mar&ccedil;o deste ano, para reativa&ccedil;&atilde;o no Programa.<br />
<br />
<u><strong>Documentos necess&aacute;rios</strong></u><br />
<br />
Para fazer a atualiza&ccedil;&atilde;o dos dados, o respons&aacute;vel pela fam&iacute;lia (titular do cart&atilde;o Bolsa Fam&iacute;lia) deve apresentar junto ao Munic&iacute;pio o CPF ou T&iacute;tulo de Eleitor. Dos demais integrantes da fam&iacute;lia exige-se a apresenta&ccedil;&atilde;o de pelo menos um dos seguintes documentos: Certid&atilde;o de Nascimento, Certid&atilde;o de Casamento, Certid&atilde;o Administrativa de Nascimento do Ind&iacute;gena (Rani), CPF, Carteira de Identidade; Carteira de Trabalho e Previd&ecirc;ncia Social ou T&iacute;tulo de Eleitor. J&aacute; os respons&aacute;veis por fam&iacute;lias ind&iacute;genas e quilombolas podem apresentar qualquer outro documento de identifica&ccedil;&atilde;o de validade nacional.</span>

Comentários pelo Facebook: