Sobral – 300×100
Seet

Moradores não serão desapropriados para construção da nova prefeitura

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;"><u><strong>Arnaldo Filho</strong></u><br />
<em>AF Not&iacute;cias</em><br />
<br />
Os moradores do Setor Aragua&iacute;na Sul que seriam impactados pelo Decreto 004/2012 j&aacute; podem respirar aliviados. A informa&ccedil;&atilde;o foi repassada pelo Secret&aacute;rio Municipal de Habita&ccedil;&atilde;o, Elenil da Penha, em reuni&atilde;o organizada pelas fam&iacute;lias afetadas no fim da tarde dessa quinta-feira, 24, onde contou tamb&eacute;m com a presen&ccedil;a do vice-prefeito Fraudineis Fiomare (PMDB).<br />
<br />
O ato do Executivo declarava de utilidade p&uacute;blica uma &aacute;rea de 158.058m&sup2; localizada nos setores Cimba e Aragua&iacute;na Sul para constru&ccedil;&atilde;o da nova sede do Poder Executivo.&nbsp; O drama das fam&iacute;lias foi mostrado pelo <em><strong>Portal AF Not&iacute;cias</strong></em>.<br />
<br />
Segundo Elenil da Penha, o prefeito Ronaldo Dimas garantiu aos moradores que nenhum deles ser&aacute; prejudicado e que j&aacute; encontrou outra alternativa para execu&ccedil;&atilde;o do projeto. Ainda segundo o secret&aacute;rio, o gestor determinou que seja realizado o cadastramento de todas as fam&iacute;lias a fim de fazer um planejamento para iniciar o processo de regulariza&ccedil;&atilde;o fundi&aacute;ria na localidade. <em>&ldquo;O prefeito est&aacute; empenhado em resolver os problemas de Aragua&iacute;na. Dimas garantiu que todos os compromissos de campanha ser&atilde;o cumpridos&rdquo;</em>, afirmou Elenil.<br />
<br />
O secret&aacute;rio de Habita&ccedil;&atilde;o n&atilde;o confirmou se o decreto ser&aacute; revogado, mas garantiu que nenhuma fam&iacute;lia ser&aacute; prejudicada. Para o l&iacute;der comunit&aacute;rio Regiel Pimentel, &ldquo;o prefeito Ronaldo Dimas se mostrou uma pessoa humana que se sensibilizou com a reivindica&ccedil;&atilde;o das fam&iacute;lias&rdquo;.&nbsp;&nbsp;&nbsp;<br />
<br />
A solu&ccedil;&atilde;o foi intermediada pelos vereadores Divino Beth&acirc;nia (PSD), Terciliano Gomes (PV) e Silvinia Pires (PT), que comemoraram a decis&atilde;o do prefeito. Os parlamentares cobraram ainda que as constru&ccedil;&otilde;es sejam desembargadas e refor&ccedil;aram a necessidade de regulariza&ccedil;&atilde;o fundi&aacute;ria, al&eacute;m de pavimenta&ccedil;&atilde;o asf&aacute;ltica no setor.<br />
<br />
Apesar de n&atilde;o ter sido confirmado pelo secret&aacute;rio Elenil da Penha, informa&ccedil;&otilde;es repassadas ao <strong><em>AF Not&iacute;cias</em></strong> d&atilde;o conta de que um empres&aacute;rio da cidade doou uma &aacute;rea para constru&ccedil;&atilde;o da nova prefeitura de Aragua&iacute;na nas mesmas proximidades.</span></div>

Comentários pelo Facebook: