Seet
Sobral – 300×100

Sindicatos não aceitam, "de forma alguma", pagamento dos servidores estaduais no dia 12

admin -

<span style="font-size:14px;">Na manh&atilde; desta ter&ccedil;a-feira, 27, as entidades classistas que representam os servidores p&uacute;blicos estaduais se reuniram na sede administrativa do Sisepe-TO para discutir a decis&atilde;o do governo de pagar o sal&aacute;rio no dia 12 de cada m&ecirc;s. As entidades tamb&eacute;m deliberaram acerca do rombo nos cofres do Igeprev (Instituto de Gest&atilde;o Previdenci&aacute;ria do Estado).<br />
<br />
Os representantes abriram a reuni&atilde;o falando da decis&atilde;o unilateral do Governo que alterou a data de pagamento dos sal&aacute;rios dos servidores p&uacute;blicos, sem o devido di&aacute;logo com a categoria, por meio dos Sindicatos e Associa&ccedil;&otilde;es, que s&atilde;o sua representa&ccedil;&atilde;o leg&iacute;tima.<br />
<br />
Devido a essa medida, os representantes classistas encaminharam of&iacute;cio ao Secret&aacute;rio da Fazenda, Paulo Afonso Teixeira, informando ao gestor que os servidores p&uacute;blicos e as entidades classistas n&atilde;o aceitam, de forma alguma, que o pagamento aconte&ccedil;a no dia 12 de cada m&ecirc;s. No oficio, as entidades solicitaram que o pagamento seja feito todo dia 1&ordm;, conforme sempre foi feito no Estado do Tocantins.<br />
<br />
Outro ponto discutido foi a atual situa&ccedil;&atilde;o do Igeprev, assunto que vem preocupando as entidades, desde 2013, quando elas estiveram pela primeira vez no Minist&eacute;rio da Previd&ecirc;ncia Social, com o ministro Garibaldi Alves.&nbsp; As entidades solicitaram uma audi&ecirc;ncia com o presidente do Instituto, Jacques Silva e os novos membros dos Conselhos de Administra&ccedil;&atilde;o e Fiscal, para o pr&oacute;ximo dia 03 de fevereiro de 2015, &agrave;s 14 horas na sede do Instituto.&nbsp;<br />
<br />
Segundo os sindicatos, n&atilde;o h&aacute; nenhum acordo com o Governo e as Entidades Classistas no que se refere a altera&ccedil;&atilde;o da data de pagamento dos sal&aacute;rios dos servidores p&uacute;blicos para o dia 12. <em>&quot;A luta das entidades &eacute; para que o Governo pague o sal&aacute;rio no dia 1&ordm;, evitando assim transtornos como juros e multas que poder&atilde;o ser aplicados nas despesas mensais dos servidores por causa do atraso no recebimento do sal&aacute;rio&quot;</em>, disse.<br />
<br />
Entidades classistas que assinaram o of&iacute;cio: NCST-TO, SISEPE-TO, SINTRAS, SINDARE, SEET, SINDEPOL, SINDIFATO, SINDIPERITO, SINTET, SINSJUSTO, SIMED, AOPMETO, ASSPMETO, APRA-TO e ASMIR.</span>

Comentários pelo Facebook: