Sobral – 300×100
Seet

Marcelo Miranda reforça potencial e posição estratégica do Estado em reuniões com empresários

admin -

<span style="font-size:14px;">O governador Marcelo Miranda, juntamente com o secret&aacute;rio de Estado do Desenvolvimento Econ&ocirc;mico e Turismo, Eudoro Pedroza, recebeu nesta ter&ccedil;a-feira, 27, empres&aacute;rios representantes da Esta&ccedil;&atilde;o de Transbordo de Cargas Ecoporto Praia Norte e da empresa Modern Logistics Transportes A&eacute;reos de Cargas. As reuni&otilde;es aconteceram no gabinete do governador, no Pal&aacute;cio Araguaia, e tiveram o prop&oacute;sito de apresentar as potencialidades do Estado e de estreitar la&ccedil;os entre Governo e investidores.<br />
<br />
<em>&ldquo;Nesta reuni&atilde;o viemos nos apresentar ao governador, apesar de o nosso projeto ter se iniciado ainda no Governo Marcelo Miranda. Al&eacute;m disso, viemos definir uma estrat&eacute;gia junto com o Governo do Estado para atrair empresas e empres&aacute;rios para formar essa parceria com o Ecoporto para industrializar a regi&atilde;o do Bico do Papagaio</em>&rdquo;, informou o presidente da Esta&ccedil;&atilde;o de Transbordo de Cargas Ecoporto Praia Norte, Klaus Weyand.<br />
<br />
Ainda segundo ele, o porto estar&aacute; pronto para come&ccedil;ar os trabalhos no in&iacute;cio de 2016 e, inicialmente, far&aacute; o transporte de gr&atilde;os, madeira, celulose e carga em geral vinda a Zona Franca de Manaus.<br />
<br />
Segundo Weyand, as obras de arruamento, portaria e rampa de acesso para as barca&ccedil;as do Ecoporto j&aacute; est&atilde;o em fase de conclus&atilde;o.&nbsp; Destaca-se que o Ecoporto de Praia Norte est&aacute; sendo instalado na cidade hom&ocirc;nima, &agrave;s margens do Rio Tocantins, a 619 km de Palmas. Na rota de tr&ecirc;s dos principais portos fluviais do Brasil: o de Manaus (AM), o de Bel&eacute;m (PA) e o de Itaqui (MA), ele ser&aacute; uma alternativa de sa&iacute;da rumo ao Atl&acirc;ntico, tornando-se assim um dos mais importantes empreendimentos para a infraestrutura log&iacute;stica do Tocantins e de integra&ccedil;&atilde;o das regi&otilde;es Centro-Oeste, Norte e Sudeste.<br />
<br />
Conforme o secret&aacute;rio Eudoro Pedroza, a realiza&ccedil;&atilde;o das obras de infraestrutura no local onde est&aacute; se instalando o Ecoporto de Praia Norte j&aacute; chega a 75%. Ele tamb&eacute;m informou que no m&ecirc;s de fevereiro acompanhar&aacute; o governador numa visita ao local para conhecer as instala&ccedil;&otilde;es. <em>&ldquo;O Ecoporto de Praia Norte ir&aacute; viabilizar para o Tocantins grandes condi&ccedil;&otilde;es para exportamos nossa soja e tamb&eacute;m importarmos produtos da Zona Franca de Manaus; e ser&aacute; um fator de desenvolvimento muito grande para o Estado</em>&rdquo;, ressaltou Pedroza.<br />
<br />
<strong><u>Log&iacute;stica</u></strong><br />
<br />
O secret&aacute;rio falou ainda sobre a visita dos representantes da empresa Modern Logistics, que visa desenvolver redes integradas de distribui&ccedil;&atilde;o tanto a&eacute;reas, quanto terrestres. <em>&ldquo;Nesta reuni&atilde;o, apresentamos aos empres&aacute;rios a viabilidade e a estrat&eacute;gica posi&ccedil;&atilde;o do Tocantins, al&eacute;m do incentivo fiscal que podemos viabilizar, atrav&eacute;s da redu&ccedil;&atilde;o dos impostos no querosene. Com toda certeza, a vinda dessa empresa ser&aacute; muito importante para o Tocantins&rdquo;, </em>disse.<br />
<br />
O vice-presidente Comercial e Markenting da Modern, Adalberto Febeliano, falou sobre a empresa e como foi a reuni&atilde;o. <em>&ldquo;N&oacute;s estamos montando uma empresa de log&iacute;stica integrada, uma empresa que vai muito al&eacute;m do transporte a&eacute;reo, uma empresa que vai trabalhar tamb&eacute;m com outros modais de transporte e todos os servi&ccedil;os log&iacute;sticos de armazenagem e de processamento de pedidos. E quando n&oacute;s olhamos o Brasil, realmente o Tocantins tem uma posi&ccedil;&atilde;o geogr&aacute;fica privilegiada, por isso nosso interesse em travar contato com o governador Marcelo em uma reuni&atilde;o muito produtiva&rdquo;</em>, considerou. De acordo com Febeliano, a pr&oacute;xima etapa ser&aacute; conhecer o aeroporto e as empresas que j&aacute; est&atilde;o instaladas no Estado.</span>

Comentários pelo Facebook: