Sobral – 300×100
Seet

Vice-presidente da OAB-TO diz que conversa foi "distorcida" e que "jamais atacaria Polícia Civil"

admin -

<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
O vice-presidente estadual da Ordem dos Advogados do Brasil, OAB Tocantins, Rubens D&aacute;rio C&acirc;mara, divulgou nota nesta segunda-feira (2), esclarecendo que jamais fez insinua&ccedil;&otilde;es de que os ataques a &ocirc;nibus na capital teriam liga&ccedil;&otilde;es com servidores da Pol&iacute;cia Civil, em greve desde o dia 25 de fevereiro.<br />
<br />
O vice-presidente da OAB disse ainda que a conversa publicada em um grupo do watsApp foi &ldquo;distorcida&rdquo; de forma a parecer que estaria se referindo aos atentados e atribuindo sua autoria &agrave; Pol&iacute;cia Civil. <em>&ldquo;Fal&aacute;vamos de uma das muitas cartas compartilhadas</em> [sobre a poss&iacute;vel autoria dos ataques]<em>. Ao contr&aacute;rio do que disseram, n&atilde;o ofendi a Pol&iacute;cia Civil e nem atribui a ela a autoria de nada&rdquo;</em>, afirmou o advogado Rubens D&aacute;rio.<br />
<br />
O membro da Ordem dos Advogados ressaltou ainda que possui a &ldquo;maior admira&ccedil;&atilde;o e respeito&rdquo; &agrave; Pol&iacute;cia Civil e nunca teve a inten&ccedil;&atilde;o de atacar ou atribuir qualquer ato de vandalismo &agrave; categoria. <em>&ldquo;Nunca tive a inten&ccedil;&atilde;o de atacar ou atribuir qualquer ato de vandalismo aos policiais civis do Estado, dentre os quais tenho v&aacute;rios amigos e alunos de gradua&ccedil;&atilde;o, os quais tamb&eacute;m podem testemunhar de meu respeito &agrave; classe</em>&rdquo;, afirmou.<br />
<br />
Confira a nota:<br />
<br />
<u><strong>Aos Policiais Civis do TO</strong></u><br />
<br />
<em>&quot;Tenho a maior admira&ccedil;&atilde;o e respeito a classe dos policiais civis do Estado do Tocantins, inclusive tenho 2 membros dela, meus parentes, filiados ao distinto SINPOL-TO, igualmente aviltados com o desrespeito a direitos arduamente conquistados.<br />
<br />
Nunca tive a inten&ccedil;&atilde;o de atacar ou atribuir qualquer ato de vandalismo aos policiais civis do Estado, dentre os quais tenho v&aacute;rios amigos e alunos de gradua&ccedil;&atilde;o, os quais tamb&eacute;m podem testemunhar de meu respeito &agrave; classe.<br />
<br />
Espero que o equ&iacute;voco na distor&ccedil;&atilde;o de uma &uacute;nica conversa do contexto de centenas de outras feitas por outras pessoas, n&atilde;o permeie os cora&ccedil;&otilde;es de nenhum de voc&ecirc;s, e que os nossos gestores possam sensibilizarem-se com a justeza e a legitimidade dos pleitos de voc&ecirc;s, para que a classe seja respeitada e valorizada como merece.<br />
<br />
Esse &eacute;, e sempre foi o meu desejo!<br />
<br />
Rubens D&aacute;rio C&acirc;mara&quot;</em></span>

Comentários pelo Facebook: