Sobral – 300×100
Seet

Diretor Nacional da Escola Europeia de Futebol visita centro de treinamento no Tocantins

admin -

<span style="font-size:14px;">O Diretor Geral e Coordenador T&eacute;cnico da Escola Europeia de Futebol (EEF), Ricardo Perlingiero, visitou neste domingo (15), o Centro de Treinamento Manoel Carlos Carreira, do Ricanato Futebol Clube, em Palmas (TO). Na ocasi&atilde;o o diretor conheceu a estrutura que ir&aacute; abrigar a d&eacute;cima unidade da franquia que acaba de ser inaugurada na capital tocantinense.<br />
<br />
Quem apresentou as instala&ccedil;&otilde;es foi o presidente do clube, Ricardo Carreira, que falou da proposta de trazer mais uma novidade para a forma&ccedil;&atilde;o de atletas no Tocantins. <em>&ldquo;O Ricanato FC j&aacute; vinha pensando em criar um projeto de escolinha com um perfil mais profissional e a EEF tem uma proposta que a diferencia das demais. J&aacute; definimos as turmas e agora &eacute; s&oacute; dar continuidade e, quem sabe, aproveitar alguns desses garotos nas categorias de base do clube&rdquo;</em>, conta Ricardo que j&aacute; prepara as equipes sub17 e sub19 para as competi&ccedil;&otilde;es neste primeiro semestre.<br />
<br />
O diretor da escola conta que o projeto vem crescendo e a proposta &eacute; abrir de 10 a 15 novas unidades da franquia at&eacute; o fim de 2015. <em>&ldquo;Nosso objetivo principal &eacute; levar a metodologia de treinamento dos 10 anos que tive atuando no futebol italiano. Temos muitas oportunidades interessantes, com interc&acirc;mbios com outros clubes de futebol n&atilde;o s&oacute; fora do pa&iacute;s como aqui no Brasil&rdquo;.</em><br />
<br />
O Diretor Geral da escolinha falou tamb&eacute;m que a EEF trabalha os garotos como ve&iacute;culo de socializa&ccedil;&atilde;o, indo muito al&eacute;m do simples &lsquo;ensinar a jogar bola&rsquo;. <em>&ldquo;O que diferencia &eacute; a metodologia europeia, sem inibir a habilidade natural do brasileiro. Orientamos, tamb&eacute;m, na forma de trabalhar na administra&ccedil;&atilde;o do empreendimento&rdquo;</em>. Ele conta que tem bons contatos com clubes como o Roma, na It&aacute;lia, e o Fluminense, no Rio de Janeiro, do qual &eacute; treinador das categorias de base do clube carioca.<br />
<br />
Ricardo Perlingiero tamb&eacute;m acompanhou um amistoso entre as equipes sub17 do Ricanto FC e um misto de jogadores do interior do Tocantins. O time da capital venceu o confronto por 3 a 1.</span>

Comentários pelo Facebook: