Seet
Sobral – 300×100

Quadrilhas juninas já se preparam para o São João do Cerrado em Araguaína

admin -

<span style="font-size:14px;">Em Aragua&iacute;na, as quadrilhas juninas j&aacute; est&atilde;o acertando o passo e se preparam para o circuito das festas de S&atilde;o Jo&atilde;o, que acontecem no m&ecirc;s de junho, promovido pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer de Aragua&iacute;na (TO). Os ensaios das quadrilhas acontecem em col&eacute;gios, quadras esportivas, espa&ccedil;os comunit&aacute;rios e at&eacute; no meio da rua, sempre nos finais de semana ou em feriados.<br />
<br />
Os ensaios duram, em m&eacute;dia, sete horas. Ningu&eacute;m quer perder tempo. Por isso, buscam os locais dispon&iacute;veis para ensaios para que tudo d&ecirc; certo e os grupos possam chegar no festival no n&iacute;vel de competi&ccedil;&atilde;o. Todas as quadrilhas entram na disputa pelo trof&eacute;u de 2015. Cada grupo trabalha com tem&aacute;tica livre. No ano passado, o evento foi realizado na Vila Patroc&iacute;nio e concorreram oito quadrilhas. A campe&atilde; foi a Arranca Toco.<br />
<br />
As vencedoras ganham trof&eacute;us e medalhas. Al&eacute;m disso, a Prefeitura disponibiliza recursos financeiros como incentivo para a compra do material das quadrilhas, como figurinos, montagem de estrutura, locomo&ccedil;&atilde;o de pessoal, arranjos, entre outros.<br />
<br />
<u><strong>Mudan&ccedil;as</strong></u><br />
<br />
As quadrilhas est&atilde;o se modernizando ao adotarem o modelo estilizado, tend&ecirc;ncia diferenciada da tradicional. Essa mudan&ccedil;a, segundo os quadrilheiros, tem o objetivo de profissionalizar os grupos e coloc&aacute;-los no mesmo n&iacute;vel de competi&ccedil;&atilde;o nacional, como as famosas quadrilhas do Nordeste.<br />
<br />
<u><strong>Local e data</strong></u><br />
<br />
Este ano o festival de quadrilhas est&aacute; previsto para acontecer entre os dias 25 a 28 de junho, no Parque de Exposi&ccedil;&otilde;es Dair Jos&eacute; Louren&ccedil;o.&nbsp;&nbsp;<br />
<br />
<u><strong>P&uacute;blico</strong></u><br />
<br />
Para o secret&aacute;rio municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Wilamas Ferreira, a cada ano o p&uacute;blico do festival aumenta devido ao car&aacute;ter tradicional e familiar do festival. <em>&ldquo;Esperamos cerca de 20 mil pessoas durante as quatro noites de festa. Com o apoio da Prefeitura &agrave;s agremia&ccedil;&otilde;es, a as quadrilhas se reinventam, criam e se modernizam com temas novos. Al&eacute;m disso, tem a grande participa&ccedil;&atilde;o do p&uacute;blico, que vai desde &agrave; crian&ccedil;a ao idoso, e isso ajuda a promover o evento&rdquo;,</em> finalizou.</span>

Comentários pelo Facebook: