Seet
Sobral – 300×100

Comando de greve diz que diálogo foi "proveitoso" e proposta do Governo será avaliada pelos PCs

admin -

<span style="font-size:14px;">O comando de greve da Pol&iacute;cia Civil do Tocantins se reuniu, na tarde deste domingo (5), com primeira-dama e deputada federal Dulce Miranda e com o secret&aacute;rio estadual da Administra&ccedil;&atilde;o, Jeferson Oliveira. O encontro ocorreu na sede Secretaria da Administra&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
Conforme o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), nesta segunda-feira (6), o comando de greve vai detalhar o resultado da reuni&atilde;o em assembleia geral da categoria, &agrave;s 14 horas, na sede do &oacute;rg&atilde;o, onde ser&aacute; tamb&eacute;m decidido sobre o fim ou continuidade da greve.<br />
<br />
<em>&ldquo;A nossa conversa com a deputada e o secret&aacute;rio foi proveitoso. Nesta segunda-feira vamos detalhar o que nos foi apresentado pelo governo os policiais civis para que todos tomem uma decis&atilde;o em conjunto&rdquo;</em>, destacou o presidente do Sinpol, Moisemar Marinho.<br />
<br />
Os policiais est&atilde;o em greve desde o dia 25 de fevereiro para reivindicar o cumprimento da lei 2.851, que faz o alinhamento da carreira da categoria deixando um s&oacute; n&iacute;vel na corpora&ccedil;&atilde;o. Conquista hist&oacute;rica da Pol&iacute;cia Civil, a lei teve seus efeitos suspensos por decreto do governador Marcelo Miranda.<br />
<br />
Nem o sindicato e nem o governo anteciparam os termos da proposta. Mas, segundo apurado, o Governo se comprometeu pagar a paridade salarial reivindicada pela categoria, n&atilde;o cortar o ponto referente aos dias n&atilde;o trabalhados e nem instaurar processo administrativo contra os policiais civis.&nbsp;</span>

Comentários pelo Facebook: