Sobral – 300×100
Seet

Prefeitura propõe doação de casa, lote ou indenização para que famílias desocupem área pública

admin -

<span style="font-size:14px;">Um problema de regulariza&ccedil;&atilde;o fundi&aacute;ria que j&aacute; se arrasta por mais de sete anos, ser&aacute; resolvido de forma pac&iacute;fica entre moradores e Prefeitura de Aragua&iacute;na. Numa reuni&atilde;o tranquila, o prefeito Ronaldo Dimas fechou acordo com as fam&iacute;lias que ocupam &aacute;rea p&uacute;blica no Setor Aragua&iacute;na Sul II, principalmente moradores que constru&iacute;ram casas por onde passam as ruas Amazonas e Paraguai.<br />
<br />
O encontro com os moradores aconteceu no in&iacute;cio da noite desta quinta-feira, 21, na sede da Prefeitura.<br />
<br />
A Prefeitura apresentou tr&ecirc;s op&ccedil;&otilde;es para que as fam&iacute;lias deixem as casas na &aacute;rea p&uacute;blica. A primeira foi a doa&ccedil;&atilde;o de uma casa no residencial Lago Azul. Nesse caso, a fam&iacute;lia vai pagar a presta&ccedil;&atilde;o do im&oacute;vel em valores entre R$ 75 a R$ 100. A segunda op&ccedil;&atilde;o, a doa&ccedil;&atilde;o de um lote no Setor Sul e a terceira proposta &eacute; uma indeniza&ccedil;&atilde;o ao morador pelas benfeitorias feitas no im&oacute;vel.<br />
<br />
Segundo a Prefeitura, o pr&oacute;ximo passo agora &eacute; fazer um levantamento para saber quantas fam&iacute;lias ser&atilde;o afetadas. Ap&oacute;s os estudos, os moradores ser&atilde;o chamados para fazerem o acordo.&nbsp;<br />
<br />
<u><strong>Regulariza&ccedil;&atilde;o do setor</strong></u><br />
<br />
Ainda no encontro, Dimas se comprometeu a enviar um projeto de lei &agrave; C&acirc;mara de Vereadores com a finalidade de regularizar o setor Aragua&iacute;na Sul, que &eacute; uma &aacute;rea p&uacute;blica e que foi ocupada irregularmente. Ap&oacute;s a regulariza&ccedil;&atilde;o, o terreno ser&aacute; doado &agrave;s fam&iacute;lias que n&atilde;o possuem casas ou lotes.<br />
<br />
A not&iacute;cia animou os moradores que j&aacute; ocupam o loteamento. <em>&ldquo;Essa reuni&atilde;o superou as nossas expectativas, pois o prefeito nos atendeu muito bem e atendeu nosso pedido. N&oacute;s agradecemos a sensibilidade do prefeito por ter nos dado uma resposta &agrave; altura que n&oacute;s esper&aacute;vamos&rdquo;</em>, disse Regieldo Vieira Pimentel, morador do setor.<br />
<br />
Segundo a Prefeitura, a regulariza&ccedil;&atilde;o do setor Aragua&iacute;na Sul II faz parte do Programa Municipal Escritura na M&atilde;o, que objetiva a regulariza&ccedil;&atilde;o fundi&aacute;ria de toda cidade, a come&ccedil;ar pelos bairros mais populosos e situa&ccedil;&otilde;es mais cr&iacute;ticas. At&eacute; o momento, al&eacute;m do Aragua&iacute;na Sul II, os trabalhos j&aacute; foram desenvolvidos nos setores Sul e Coimbra.</span>

Comentários pelo Facebook: