Seet
Sobral – 300×100

Defensoria Pública do Tocantins é finalista do Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça

admin -

<span style="font-size:14px;">A Defensoria P&uacute;blica do Tocantins, por meio da Assessoria de Comunica&ccedil;&atilde;o, &eacute; a &uacute;nica do Brasil finalista em duas categorias do 13&ordm; Pr&ecirc;mio Nacional de Comunica&ccedil;&atilde;o e Justi&ccedil;a, promovido pelo F&oacute;rum Nacional de Comunica&ccedil;&atilde;o e Justi&ccedil;a, nas categorias Comunica&ccedil;&atilde;o de Interesse P&uacute;blico e Fotografia.<br />
<br />
Os vencedores ser&atilde;o anunciados no dia 19 de junho, durante a solenidade de encerramento do Conbrascom 2015 &ndash; Congresso Brasileiro dos Assessores de Comunica&ccedil;&atilde;o da Justi&ccedil;a &ndash;, em Belo Horizonte.<br />
<br />
Na categoria Comunica&ccedil;&atilde;o de Interesse P&uacute;blico, que premiar&aacute; o melhor projeto de comunica&ccedil;&atilde;o voltado ao p&uacute;blico externo, a Defensoria do Tocantins &eacute; finalista com a Campanha &ldquo;Um Direito Seu&rdquo;, trabalhada pela Institui&ccedil;&atilde;o desde 2014 e refor&ccedil;a o papel da Institui&ccedil;&atilde;o para a sociedade e esclarece quem &eacute; o p&uacute;blico-alvo da Defensoria P&uacute;blica.<br />
<br />
Para a campanha &ldquo;Um Direito Seu&rdquo;, foi desenvolvida a estrat&eacute;gia de comunica&ccedil;&atilde;o integrada para as pe&ccedil;as eletr&ocirc;nicas, em duas etapas: hist&oacute;ria problema apresentada na TV e R&aacute;dio e a sua vers&atilde;o educativa na web (site institucional), que complementa a hist&oacute;ria problema, na qual um Defensor P&uacute;blico esclarece juridicamente o problema apresentado no VT. J&aacute; as pe&ccedil;as gr&aacute;ficas, com o mote &ldquo;N&atilde;o pode pagar um advogado&rdquo;, ganhou vers&atilde;o ilustrada e did&aacute;tica para atingir tamb&eacute;m o p&uacute;blico infantil.<br />
<br />
Na categoria Fotografia, concorre a imagem intitulada &ldquo;Defensoria Quilombola&rdquo;, da fot&oacute;grafa Loise Maria, que traz o sorriso de Miguel Sim&atilde;o de Souza, 83 anos, personagem do cartaz que ilustrou evento do Programa Defensoria Quilombola.<br />
<br />
Ao todo foram inscritos cinco trabalhos, cujas iniciativas foram executadas ou supervisionadas pela &aacute;rea de comunica&ccedil;&atilde;o da Institui&ccedil;&atilde;o, no ano de 2014.<br />
<br />
<u><strong>Pr&ecirc;mio</strong></u><br />
<br />
O XIII Pr&ecirc;mio Nacional de Comunica&ccedil;&atilde;o e Justi&ccedil;a &eacute; uma iniciativa do F&oacute;rum Nacional de Comunica&ccedil;&atilde;o e Justi&ccedil;a, organiza&ccedil;&atilde;o n&atilde;o governamental sem fins lucrativos, fundada pelos assessores de Comunica&ccedil;&atilde;o do Judici&aacute;rio, do Minist&eacute;rio P&uacute;blico, Defensorias, OAB, tribunais de contas e institui&ccedil;&otilde;es afins, voltada ao desenvolvimento de debates e a&ccedil;&otilde;es para aproximar as organiza&ccedil;&otilde;es p&uacute;blicas do cidad&atilde;o. O Pr&ecirc;mio &eacute; realizado anualmente e a premia&ccedil;&atilde;o acontece durante o Congresso Brasileiro de Assessores de Comunica&ccedil;&atilde;o da Justi&ccedil;a (CONBRASCOM).<br />
<br />
Conhe&ccedil;a quais s&atilde;o os projetos finalistas do PNCJ 2015 &ndash; <a href="http://www.fncj.org.br/conbrascom/noticias/conheca-quais-sao-os-projetos-finalistas-do-pncj-2015/16" target="_blank">clique aqui</a></span><br />
<br />

Comentários pelo Facebook: