Seet
Sobral – 300×100

Presidente da Câmara Brasil-China diz que "Tocantins é um lugar privilegiado e pode ser melhor explorado"

admin -

<span style="font-size:14px;"><em>&ldquo;O que falta no Brasil &eacute; capital e o que sobra na China &eacute; capital&rdquo;</em>. A frase foi dita pelo presidente da C&acirc;mara de Com&eacute;rcio e Ind&uacute;stria Brasil-China (CCIBC), Charles Andrew Tang, durante reuni&atilde;o com a governadora em exerc&iacute;cio do Estado do Tocantins, Claudia Lelis, que aconteceu nesta ter&ccedil;a-feira, 16, no Pal&aacute;cio Araguaia.<br />
<br />
O prop&oacute;sito da reuni&atilde;o foi apresentar a inten&ccedil;&atilde;o da CCIBC de ajudar o Tocantins a desenvolver um relacionamento comercial mais estreito com o pa&iacute;s ocidental.<br />
<br />
Tang disse que o Tocantins &eacute; um estado cheio de riquezas naturais, que possui uma log&iacute;stica muito boa, capaz de escoar toda produ&ccedil;&atilde;o pela Ferrovia Norte-Sul. Al&eacute;m disso, segundo o presidente da C&acirc;mara, o Estado tem sol em abund&acirc;ncia, o que &eacute; uma oportunidade para gera&ccedil;&atilde;o de energia el&eacute;trica solar. <em>&ldquo;Eu acho que o Tocantins &eacute; um lugar privilegiado e pode ser melhor explorado&rdquo;</em>, disse o presidente, que exaltou durante toda reuni&atilde;o as potencialidades econ&ocirc;micas, ambientais e tur&iacute;sticas do Estado.<br />
<br />
Segundo a governadora, uma parceria com a China seria muito importante para o desenvolvimento econ&ocirc;mico do Estado, principalmente neste momento de crise econ&ocirc;mica, onde buscar alternativas de crescimento faz toda a diferen&ccedil;a. Durante o encontro, Claudia Lelis fez uma apresenta&ccedil;&atilde;o, onde explorou os pontos fortes do Tocantins, enfatizando as &aacute;reas de log&iacute;stica, turismo e agroneg&oacute;cio.<br />
<br />
A reuni&atilde;o contou com a presen&ccedil;a e participa&ccedil;&atilde;o do secret&aacute;rio de Governo, Herbert Brito Barros (Buti), do secret&aacute;rio de Desenvolvimento Econ&ocirc;mico e Turismo, Eudoro Pedrosa, e do secret&aacute;rio de Desenvolvimento da Agricultura e Pecu&aacute;ria, Clemente Barros Neto.</span>

Comentários pelo Facebook: