Sobral – 300×100
Seet

Seduc faz aditivo e empresa retoma construção da Escola de Tempo Integral do Nova Araguaína

admin -

<span style="font-size:14px;">As obras da Escola de Tempo Integral do Setor Nova Aragua&iacute;na, paralisadas desde o ano passado, foram reiniciadas esta semana, depois de autorizados os aditivos entre a Secretaria de Educa&ccedil;&atilde;o do Tocantins (Seduc) e a construtora respons&aacute;vel. Com a retomada da constru&ccedil;&atilde;o da unidade escolar, a estimativa do Governo &eacute; que o cronograma de execu&ccedil;&atilde;o seja seguido at&eacute; a conclus&atilde;o das obras.<br />
<br />
Or&ccedil;ada em mais de R$ 9,7 milh&otilde;es, a unidade escolar ter&aacute; capacidade para atender 1.500 estudantes em tempo integral, oferecendo ensino convencional, aliado a atividades extracurriculares, como pr&aacute;tica esportiva, m&uacute;sica, dan&ccedil;a.<br />
<br />
Para o secret&aacute;rio Ad&atilde;o Francisco, o retorno da constru&ccedil;&atilde;o da unidade escolar &eacute; um grande avan&ccedil;o conquistado pelo Governo. <em>&ldquo;Desenvolver um sistema de ensino/aprendizagem que valorize a forma&ccedil;&atilde;o humana e cr&iacute;tica dos estudantes &eacute; um dos pontos para conquistarmos o status de educa&ccedil;&atilde;o integral. Para isto, precisamos de estruturas que comportem as diversas modalidades educacionais necess&aacute;rias para a implanta&ccedil;&atilde;o desta pol&iacute;tica p&uacute;blica&rdquo;</em>, salientou.<br />
<br />
Respons&aacute;vel pelo contato com as construtoras e pela confirma&ccedil;&atilde;o dos aditivos para o retorno das obras nas unidades escolares, o superintendente de Administra&ccedil;&atilde;o, Infraestrutura e Finan&ccedil;as da Seduc, Ildefonso Jo&atilde;o Borges Parente, a partir da autoriza&ccedil;&atilde;o do aditivo junto &agrave; construtora, as obras devem retornar ao cronograma. <em>&ldquo;J&aacute; fizemos o empenho pr&eacute;vio do saldo do contrato para dar rein&iacute;cio &agrave;s obras e dar andamento ao cronograma de execu&ccedil;&atilde;o&rdquo;</em>, frisou.<br />
<br />
Para a diretora Regional de Educa&ccedil;&atilde;o, Maria Florismar, a retomada para conclus&atilde;o da ETI Nova Aragua&iacute;na refor&ccedil;a a proposta de educa&ccedil;&atilde;o integral que, segundo ela, &eacute; uma via de m&atilde;o dupla, pois quando o conhecimento sai do professor para o aluno no per&iacute;odo integral, a chance de se alcan&ccedil;ar uma educa&ccedil;&atilde;o de qualidade, sobretudo humanizada, aumenta de forma significativa. <em>&ldquo;O aluno pode se organizar melhor, se dedicando mais aos estudos, tendo seu tempo ampliado na escola realizando mais tarefas educativas, esportivas e l&uacute;dicas e culturais, inclusive com o apoio da fam&iacute;lia&rdquo;</em>, disse Florismar.<br />
<br />
Para a efetiva&ccedil;&atilde;o da nova pol&iacute;tica educacional no Estado, a Seduc estabeleceu como metas, a reformula&ccedil;&atilde;o do curr&iacute;culo escolar; o fortalecimento do processo de forma&ccedil;&atilde;o continuada dos docentes; a implanta&ccedil;&atilde;o de Escolas de Refer&ecirc;ncia, principalmente para a popula&ccedil;&atilde;o especialmente em situa&ccedil;&atilde;o de vulnerabilidade social; o atendimento das demandas da categoria dos educadores do Estado e a gest&atilde;o democr&aacute;tica das escolas p&uacute;blicas estaduais.</span><br />
<br />

Comentários pelo Facebook: