Sobral – 300×100
Seet

A mudança ainda não começou para moradores que esperam pavimentação da TO-010, obra paralisada há nove meses

admin -

<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
<br />
A mudan&ccedil;a ainda n&atilde;o come&ccedil;ou para a popula&ccedil;&atilde;o que espera h&aacute; d&eacute;cadas a pavimenta&ccedil;&atilde;o da TO-010. A rodovia encurtar&aacute; em quase 100 km a dist&acirc;ncia entre a cidade de Anan&aacute;s e o entroncamento de Araguatins, na BR-230, regi&atilde;o do Bico do Papagaio. Ao todo, a nova rodovia tem 81,16 km de extens&atilde;o. A obra estava or&ccedil;ada em cerca R$ 71 milh&otilde;es.<br />
<br />
Em 2014, o governador tamp&atilde;o Sandoval Cardoso (SD), na expectativa de sair vitorioso do processo eleitoral, determinou o in&iacute;cio das obras, mas a paralisa&ccedil;&atilde;o veio dias ap&oacute;s a derrota para Marcelo Miranda (PMDB), em outubro de 2014. Mesmo assim, a terraplanagem ainda foi conclu&iacute;da e a pavimenta&ccedil;&atilde;o iniciada.<br />
<br />
A preocupa&ccedil;&atilde;o dos moradores &eacute; que o trabalho que j&aacute; foi feito est&aacute; se dissolvendo com a a&ccedil;&atilde;o do tempo. Em muitos trechos, a enxurrada abriu valas e levou grande parte do aterro.&nbsp; J&aacute; as maquinas que estavam executando os servi&ccedil;os est&atilde;o abandonadas em Anan&aacute;s.<br />
<br />
<br />
<img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/m%E1quinas.jpg" style="width: 500px; height: 375px;" /><em>(M&aacute;quinas que trabalhavam na pavimenta&ccedil;&atilde;o da TO-010 est&atilde;o abandonadas em Anan&aacute;s).</em>&nbsp;<br />
<br />
<u><strong>Investimento de R$ 71 milh&otilde;es</strong></u><br />
<br />
Para a obra de pavimenta&ccedil;&atilde;o, o investimento anunciado pelo Governo do Estado foi de cerca de R$ 71 milh&otilde;es. Os povoados de Taquar&iacute;, Vila Nova, Esperan&ccedil;a Viva, Natal e Trecho Seco ser&atilde;o diretamente beneficiados, al&eacute;m dos projetos de assentamento rural (Agrovila), produtores da cultura do eucalipto e pecuaristas.<br />
<br />
A pavimenta&ccedil;&atilde;o da rodovia &eacute; um sonho antigo dos moradores da regi&atilde;o. As obras foram iniciadas na gest&atilde;o de Siqueira Campos, no ano de 2002, e deixadas para Marcelo Miranda dar continuidade nos dois mandatos seguintes, de 2003 a 2009, mas ficaram paralisadas at&eacute; 2014, quando foram retomadas.<br />
<br />
Em maio de 2015, os vereadores de Anan&aacute;s pediram ao governador Marcelo Miranda (PMDB) a retomada imediata das obras da rodovia TO-010, mas n&atilde;o obtiveram respostas. A ordem de paralisa&ccedil;&atilde;o foi publicada no Di&aacute;rio Oficial do Estado n&ordm; 4.335, em 12 de mar&ccedil;o de 2015.<br />
<br />
<u><strong>Moradores comemoram o in&iacute;cio das obras</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;"><img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/obras.jpg" style="width: 300px; height: 180px; border-width: 0px; border-style: solid; margin-left: 5px; margin-right: 5px; float: right;" /></span><span style="font-size:14px;">O in&iacute;cio das obras, em 2014, deixou os moradores esperan&ccedil;osos. Na &eacute;poca, o agropecuarista Eliseu Mois&eacute;s, morador da zona rural de Anan&aacute;s, disse que a rodovia j&aacute; estava melhorando a vida da popula&ccedil;&atilde;o. <em>&ldquo;Antes, o carro atolava muito. Agora, com certeza, vai melhorar muito mais com o asfalto&rdquo;</em>, disse, acrescentando que estava &ldquo;pondo f&eacute;&rdquo; na conclus&atilde;o da obra.<br />
<br />
O agricultor familiar Raimundo Brasileiro, de 67 anos, contou que, diariamente, precisa percorrer parte da rodovia de bicicleta, porque n&atilde;o tem linha de &ocirc;nibus. <em>&ldquo;Por essa estrada n&atilde;o tem jeito de a gente viajar para Anan&aacute;s, por isso estamos sofrendo, andando de bicicleta, por n&atilde;o termos transporte. Agora, dou gra&ccedil;as a Deus porque essa estrada est&aacute; saindo&rdquo;</em>, comemorou, ao acompnhar o in&iacute;cio da pavimenta&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
<u><strong>O outro lado</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">Em nota, o Departamento de Estradas de Rodagem (Dertins) disse que a obra da TO-010 faz parte do Programa Pr&oacute;-Estado I com recursos j&aacute; assegurados e oriundos de financiamento junto ao Banco do Brasil.<br />
<br />
O Governo disse ainda que est&aacute; aguardando a an&aacute;lise do Banco em um Termo Aditivo de Prazo ao financiamento, para receber o repasse dos valores e reiniciar os servi&ccedil;os de pavimenta&ccedil;&atilde;o da rodovia, mas n&atilde;o definiu data.<br />
<br />
<em>&quot;O cronograma de retomada das obras de pavimenta&ccedil;&atilde;o ser&aacute; readapatado ap&oacute;s aprova&ccedil;&atilde;o do Termo Aditivo de Prazo da rodovia, incluindo o trecho Anan&aacute;s at&eacute; ao&nbsp; entroncamento da BR 230 em Araguatins&quot;</em>, informou a nota do Dertins.</span>

Comentários pelo Facebook: