Sobral – 300×100
Seet

Cadeirante é preso em Araguaína suspeito de furtar dinheiro em loja e esconder no ânus

admin -

<span style="font-size:14px;">Um cadeirante foi preso no &uacute;ltimo s&aacute;bado (25), em Aragua&iacute;na (TO) sob acusa&ccedil;&atilde;o de ter furtado R$ 360 em uma loja no centro comercial e escondido o dinheiro no &acirc;nus. Segundo as informa&ccedil;&otilde;es divulgadas pela Pol&iacute;cia Militar, Rafael dos Santos Lima, de 23 anos, teria entrado em um dos provadores do estabelecimento e furtado o dinheiro de um dos clientes.<br />
<br />
Conforme a PM, o jovem entrou na loja e foi at&eacute; o provador, onde encontrou a cal&ccedil;a de um cliente que teria sa&iacute;do para conferir a roupa que estava experimentando. Na pe&ccedil;a deixada no provador ficou tamb&eacute;m a carteira do cliente.<br />
<br />
Ainda segundo a pol&iacute;cia, o cadeirante retirou a carteira do bolso, pegou o dinheiro, colocou o objeto novamente no local e saiu tranquilamente. J&aacute; o cliente s&oacute; foi sentir falta do valor quando foi pagar a conta. Ao conferir as imagens das c&acirc;meras de seguran&ccedil;a, o cliente viu o momento do furto e saiu para procurar o suspeito. O cadeirante foi encontrado na Pra&ccedil;a das Bandeiras.<br />
<br />
A pol&iacute;cia foi chamada e encontrou o dinheiro no &acirc;nus do rapaz. O cadeirante foi levado para a delegacia de plant&atilde;o da Pol&iacute;cia Civil. Na delegacia, o rapaz contou que vive em Estreito (MA) e est&aacute; de passagem por Aragua&iacute;na. O suspeito informou ainda que n&atilde;o tem familiares e &eacute; aposentado por invalidez.<br />
<br />
O delegado estipulou fian&ccedil;a de R$ 300,00 mas o cadeirante afirmou n&atilde;o ter dinheiro e deve ficar detido em uma cela com mais dois detentos, na CPP de Aragua&iacute;na. Respons&aacute;vel pelo caso, o delegado Sandro Dias conta que o caso &eacute; in&eacute;dito na cidade. &quot;&Eacute; o primeiro caso do tipo que eu vejo aqui. Digamos que ele estreou essa modalidade&quot;, comentou.<br />
<br />
As informa&ccedil;&otilde;es s&atilde;o do G1 Tocantins.</span>

Comentários pelo Facebook: