Seet
Sobral – 300×100

Creche construída em 2011 já apresenta graves problemas estruturais

admin -

<div style="text-align: justify;">
<span style="font-size:14px;"><u><strong>Da Reda&ccedil;&atilde;o</strong></u><br />
<em>Portal AF Not&iacute;cias</em><br />
<br />
Uma creche em Aragua&iacute;na constru&iacute;da no ano de 2011 j&aacute; apresenta graves problemas estruturais. Isso &eacute; o que aponta um parecer t&eacute;cnico elaborado com base nas condi&ccedil;&otilde;es do Centro Educacional Santa Clara, localizado na Rua Itaja&iacute;, Bairro C&eacute;u Azul. O documento e a vistoria foram requisitados e assinados pelo Secret&aacute;rio Municipal de Educa&ccedil;&atilde;o, Jocirley de Oliveira, al&eacute;m da Engenheira Civil, Ilma Xavier, e do Superintendente de Fiscaliza&ccedil;&atilde;o de Obras, Zadock Amaral.<br />
<br />
De acordo com o documento, a obra teve seu recebimento definitivo em 01 de julho de 2011 com v&aacute;rios problemas construtivos, dentre os quais, alguns p&otilde;em em risco a seguran&ccedil;a dos usu&aacute;rios.<br />
<br />
<u><strong>A obra</strong></u><br />
<br />
A creche foi constru&iacute;da pela Construtora Colinas Ltda, com sede em Rio dos Bois (TO), com recursos provenientes de conv&ecirc;nio com o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educa&ccedil;&atilde;o B&aacute;sica) no valor de R$ 1.119.067,14. No ato de entrega, o ent&atilde;o secret&aacute;rio Walmir Ribeiro, e tamb&eacute;m engenheiro civil, atestou que recebeu a obra dentro do prazo e especifica&ccedil;&otilde;es exigidas no projeto, obedecendo &agrave;s normas t&eacute;cnicas da ABNT.<br />
<br />
<strong><u>Problemas</u></strong><br />
<br />
De acordo com as imagens da vistoria, os principais problemas referem-se a rachaduras em paredes, cal&ccedil;adas e muros, al&eacute;m de infiltra&ccedil;&otilde;es no teto da unidade. Conforme o relat&oacute;rio, o terreno da constru&ccedil;&atilde;o tinha um grande desn&iacute;vel o que gerou um aterro em torno de 3,90 metros de altura e agora est&aacute; cedendo.<br />
<br />
O parecer aponta ainda outros problemas como banco da recep&ccedil;&atilde;o com azulejo quebrado; alguns pontos de energia sem espelho; passadi&ccedil;o de madeira soltando e n&atilde;o alinhados; Algumas portas est&atilde;o empenadas, outras quebradas e sem fechadura, al&eacute;m de n&atilde;o fecharem tiveram que ser retiradas por estarem caindo e oferecendo riscos aos usu&aacute;rios.<br />
<br />
Todas as bancadas de granito apresentam problemas de instala&ccedil;&atilde;o. V&aacute;rias cantoneiras de apoio quebraram e algumas bancadas est&atilde;o escoradas, com risco de queda. Maiores problemas no almoxarifado que est&aacute; com goteira e a laje externa da lavanderia soltando o revestimento.<br />
<br />
J&aacute; as paredes dos fundos da escola est&atilde;o em p&eacute;ssimas condi&ccedil;&otilde;es e as cal&ccedil;adas com rachaduras e grandes fendas junto &agrave;s paredes das salas de aula. Os port&otilde;es das muretas n&atilde;o fecham e suas paredes apresentam fendas enormes e o muro com algumas partes cedendo.<br />
<br />
Foi constatado ainda que o sistema de Prote&ccedil;&atilde;o contra Descargas Atmosf&eacute;ricas &ndash; SPDA foi executado sem o aterramento, o que provocou a queima de v&aacute;rios equipamentos como m&aacute;quina de xerox, exaustor da cozinha, duas bombas da caixa d&rsquo;&aacute;gua e o PABX; os dois reservat&oacute;rios, quando cheios, provocaram muitos vazamentos em diversos pontos.<br />
<br />
<u><strong>Notifica&ccedil;&atilde;o da empresa respons&aacute;vel</strong></u><br />
<br />
Ainda de acordo com o relat&oacute;rio, diante dos problemas identificados foi contestado o recebimento definitivo da obra e solicitado &agrave; Procuradoria a notifica&ccedil;&atilde;o imediata da Construtora Colinas Ltda, com sede em Rio dos Bois (TO), para reparar os problemas.<br />
<br />
<u><strong>Fotos da creche</strong></u></span><br />
<br />
<span style="font-size:14px;">#GaleriaAlbum:23dd47f495cf703d39c4fbc2eeeac14b#</span></div>

Comentários pelo Facebook: